Hospital Sírio-Libanês

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura o hospital de mesmo nome em Campo Grande, veja Hospital Sírio-Libanês de Campo Grande.
Hospital
Hospital Sírio-Libanês
Fachada do hospital.
Localização São Paulo,  Brasil
Fundação 28 de novembro de 1921 (96 anos)
Tipo Privado
Especialidades Diversas
Site www.hospitalsiriolibanes.org.br
editar

O Hospital Sírio-Libanês é um complexo hospitalar brasileiro de natureza filantrópica com sede na cidade de São Paulo e atuação também em Brasília. Concebido em 1921 e fundado em 1965,[1] é considerado um dos mais importantes centros médicos da América Latina,[2] sendo notório por atender a figuras públicas, popularidade atribuída à composição de sua equipe médica.[3][4]

História[editar | editar código-fonte]

Adma Jafet

A história do hospital remonta a 28 de novembro de 1921, em que um grupo de amigas da colônia sírio-libanesa reunidas na casa de dona Adma Jafet planejavam construir um hospital a fim de retribuir o acolhimento da cidade de São Paulo. No encontro, fundaram a Sociedade Beneficente de Senhoras, que buscou apoio de voluntários e empresários para a construção de um hospital. Com a ajuda de doadores, a construção iniciou em 1931. Com planos de inauguração em 1941, o complexo estava praticamente pronto, mas foi tomado pelo exército devido as tensões da Segunda Guerra Mundial, e transformado em uma escola preparatória de cadetes de São Paulo. No ano de 1959, as obras foram retomadas, depois de muita insistência.[1][5]

Quem retomou o projeto, no entanto, foi a filha de Adma, Violeta Jafet, pois Adma faleceu no ano de 1956. Na data 15 de agosto de 1965 o Hospital Sírio-Libanês foi oficialmente inaugurado.[6][5][7]

Unidades[editar | editar código-fonte]

O Sírio-Libanês é composto pelas seguintes unidades:

  • Bela Vista, São Paulo – Complexo hospitalar, incluindo unidades de internação, Centro Cirúrgico, Centro de Diagnósticos e Pronto Atendimento. 
  • Itaim Bibi, São Paulo - Centro de Diagnósticos, hospital-dia, Centro de Acompanhamento da Saúde e Check-up , Centro de Reprodução Humana e Centro de Tratamento das Veias.
  • Jardins, São Paulo - Unidade de atendimento.
  • Brasília - Centro de Oncologia.

Referências

  1. a b Hospital Sírio-Libanês (24 de novembro de 2016). «História». Portal do Ipiranga. Consultado em 24 de novembro de 2016. 
  2. «Diretor do Sírio-Libanês: "Futuro dos hospitais será igual ao das farmácias, só ficarão as grandes redes"». Zero Hora. 8 de dezembro de 2017. Sírio-Libanês, um dos mais importantes da América Latina 
  3. «O hospital do poder». IstoÉ. 13 de janeiro de 2011 
  4. «A saúde da República, nas mãos do Hospital Sírio-Libanês». Veja. 24 de maio de 2016 
  5. a b MARCOVITCH,Jacques. Pioneiros e Empreendedores - A saga do desenvolvimento no Brasil
  6. «Sociedade Beneficente de Senhoras». Consultado em 21 de novembro de 2016. 
  7. «Lembranças da Família Jafet». Consultado em 18 de novembro de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um hospital ou uma instituição de saúde é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.