Hospital de Guarnição de Bagé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hospital de Guarnição de Bagé
Hgubalogo.JPG
Estado  Rio Grande do Sul
Sigla HGuBa
Criação 08 de julho de 1953
Sede
Endereço Av. Portugal, nº 99 - Bairro Castro Alves

O Hospital de Guarnição de Bagé (HGuBa) é uma unidade de saúde do Exército Brasileiro localizada no bairro Castro Alves, em Bagé. O HGuBa foi fundado com a denominação atual em 1953, por Portaria Ministerial nº284, de 8 de julho daquele ano[1].

História [1][editar | editar código-fonte]

Em 1890 a Enfermaria Militar de Bagé foi elevada a nível de Hospital Militar e teve como Chefe o Major Médico Agripino Pontes.

O Hospital Militar tinha uma função denominada Enfermeiro-Mor e era desempenhada por Antônio Fernandes de Oliveira, o qual ficou fora do centro de resistência da Praça da Matriz, conhecido como Cerco de Bagé, na Revolução Federalista de 1893, tendo sido aprisionado pelos revoltosos e obrigado a prestar socorro aos revolucionários feridos, praticando cirurgias para extração de balas.

Em 1898, foi formalizado a doação do terreno aonde se situa o atual Hospital, feito pelos descendente do Barão de Bagé – Almirante Paulo da Silva Gama, que recebeu da coroa os Rincões de Santa Tecla e Cavalhada. Essas terras abrigam o perímetro da atual Cidade de Bagé.

No início do século XX, o efetivo militar foi reduzido e o Regimento de Artilharia passou a Grupo, tendo o Hospital Militar voltado à condição de Enfermaria.

Em 18 de junho de 1919, a Enfermaria Militar de Bagé, passa a denominação de Hospital Militar, agora com o acréscimo de 2ª Classe, que se refere, não a qualidade do atendimento prestado, mas sim a extensão dos seus serviços. Essa classificação ainda permanece, tanto em Campanha como em tempos de paz.

Atendimento[editar | editar código-fonte]

O HGuBa atende toda a guarnição de Bagé, Dom Pedrito, São Gabriel, Santana do Livramento e também Jaguarão. Se somados os militares e seus familiares são mais de 10 mil pessoas que utilizam os serviços de Pronto-Socorro, internação, atendimento ambulatorial e de consultas, bem como o centro cirúrgico de médio porte. O efetivo do hospital é formado por 25 médicos e 125 militares[2].

Missão[editar | editar código-fonte]

Prestar assistência em saúde à família militar, com qualidade e eficiência, consoante aos preceitos da técnica, legalidade e bom senso, destacando-se a humanização do atendimento prestado[3].

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «SÍNTESE HISTÓRICA DO HOSPITAL DE GUARNIÇÃO DE BAGÉ». Sítio do HGuBa. 14 de Outubro de 2012. Consultado em 13 de setembro de 2014 
  2. «HGUBa tem nova direção». Jornal Minuano. 15 de Janeiro de 2010. Consultado em 13 de setembro de 2014 
  3. «MISSÃO». Sítio do HGuBa. 14 de Outubro de 2012. Consultado em 13 de setembro de 2014 
Ícone de esboço Este artigo sobre o Exército Brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.