Hristo Botev

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hristo Botev
Nascimento 6 de janeiro de 1848
Kalofer
Morte 20 de maio de 1876 (28 anos)
Cidadania Império Otomano
Etnia Búlgaros
Ocupação poeta, escritor, jornalista, revolucionário
Causa da morte morto em combate
Assinatura
Monument to Hristo Botev in Dragoman, Bulgaria, 10.JPG

Hristo Botyov Petkov (Kalofer 6 de Janeiro de 1848 - pico Vola, 1 de junho de 1876) foi um revolucionário, escritor e poeta búlgaro.

Hristo Botev

Vida[editar | editar código-fonte]

Nasceu em Kalofer,Bulgária seu pai Botyo Petkov um professor e figura pública.Família Botyo Petkov e Ivanka Boteva eles tiveram oito crianças. De 1854 sua família ao vivo em Karlovo. Nos próximos anos Hristo Botev еla é professora em várias vilas e cidades. De 1867 chega Giurgiu. Ela ensina e viagens cidades romenas Braila,Bucareste. Botev cooperar em vários jornal búlgaro em Bucareste - "Tambor" e "Liberdade". De 1871 edição jornal "Palavra de emigrantes búlgaros".[1]

Hristo Botev e seus irmãos Stefan,Kiril e Boyan

Nos últimos anos[editar | editar código-fonte]

Hristo Botev ele é um participante Búlgaro Comitê Central Revolucionária de 1874. No mesmo ano ele completou a tradução do livro "Para a origem eslava dos búlgaros do Danúbio". De 1875 formado banda revolucionária de 172 soldados. Botev é baleado de 1 de Junho de 1876.

Hristo Botev museu

Vida Literária[editar | editar código-fonte]

  • Minha Mãe(Майце си)(1867)
  • Para seu irmão(Към брата си)(1868)
  • Elegia(Елегия)(1870)
  • Haiduti(Хайдути)(1871)
  • O enforcamento de Vasil Levski(Обесването на Васил Левски)(1876)
  • jornal Bandeira(вестник "Знаме")(1874-1875)

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Trencsényi; Michal Kopeček (2007). Discourses of Collective Identity in Central and Southeast Europe (1770–1945). Central European University Press. p. 473. ISBN 963-7326-60-X.