I Can't Read

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"I Can't Read"
Single de David Bowie
do álbum The Ice Storm
Lançamento 1° de dezembro de 1997
Formato(s) CD
Gênero(s) Rock
Duração 4:40
Gravadora(s) Velvel
Composição David Bowie, Reeves Gabrels
Produção David Bowie, Reeves Gabrels, Mark Plati
Cronologia de singles de David Bowie
"I'm Afraid of Americans"
(1997)
"Without You I'm Nothing"
(1999)

"I Can't Read" é uma canção composta por David BowieReeves Gabrels para o álbum de estreia do grupo Tin Machine, de 1989.

Bowie gravou uma nova versão da canção em 1997 para o filme The Ice Storm.[1] Esta versão foi lançada como single na Alemanha e na Escandinávia pela Velvel Records em dezembro de 1997. Em janeiro de 1998, o single foi lançado na Austrália pela Shock Records, sob licença exclusiva da Velvel Records. No Reino Unido, a canção alcançou o n°73 das paradas musicais.[2]

Ao tocar a canção em 1996, Bowie a descreveu como "plena de remorso e agonia, vejo, é quando os empregos dão errado, e o lar já não se mostra aconchegante, e você não precisa de ninguém - você nem finge precisar - e você acaba nesse tipo de estado."[3]

Faixas[editar | editar código-fonte]

CD: Velvel / ZYX 8757-8 (Alemanha)[4][editar | editar código-fonte]

  1. "I Can't Read" (Short Version) (Bowie, Gabrels) – 4:40
  2. "I Can't Read" (Long Version) (Bowie, Gabrels) – 5:30
  3. "This Is Not America" (Bowie, Metheny) – 3:48

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Sprague, David (February 1997), «After a decade of missteps, David Bowie reinvents himself again ... and this time he's on target», Pulse! magazine (156): 34–37, 72–73  Verifique data em: |data= (ajuda)
  2. «David Bowie | full Official Chart History | Official Charts Company». www.officialcharts.com. Consultado em 17 de janeiro de 2017 
  3. David Bowie, Bridge Concert Benefit X, 19 de outubro 1996.
  4. Altenburg, Ruud. «David Bowie - Illustrated db Discography > I Can't Read CD-single». www.illustrated-db-discography.nl. Consultado em 17 de janeiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]