Ibéria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a designação histórica do extremo ocidental da Europa. Para a região histórica da Geórgia, veja Reino da Ibéria. Para outros significados, veja Ibéria (desambiguação).
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde abril de 2017).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Animal de Balazote (Museu de Arte Nacional de Madrid).
Moedas cunhadas na Ibéria.

Ibéria é o nome pelo qual os gregos conheciam desde tempos remotos o que hoje chamamos Península Ibérica. O historiador grego Heródoto cita o topônimo Ibéria, mas Estrabão (3.4.19) comentou que, enquanto autores anteriores colocavam a fronteira da Ibéria para além do rio Ródano, no seu tempo a fronteira estava situada nos Pirenéus.[1] Outros historiadores afirmam que a designação "Ibéria" seria utilizada pelos gregos para designar a área costeira entre o rio Ródano e o rio Iber. O rio Iber teria assim estado na origem do termo Ibéria. O rio Iber é o atual rio Ebro, no norte de Espanha, que desagua na Catalunha,

O termo Ibéria é grego e o termo Hispânia é latino. Ibéria também é o nome dado à ilha constituída por Portugal e Espanha antes da sua transformação em península, e quando a sua junção com a Europa, há muitos milhões de anos.

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre História da Península Ibérica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.