Igreja Católica na Hungria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
IgrejaCatólicaEmblem of the Papacy SE.svg
Flag of Hungary.png
Hungria
Basílica de Santo Estêvão, em Budapeste
Ano 2004
Santo padroeiro Santo Estêvão da Hungria[1]
Católicos 6.000.000
População 10.000.000
Presidente da Conferência dos Bispos Católicos András Veres
Núncio apostólico Vacante
Códice UH

A Igreja Católica na Hungria faz parte da Igreja Católica universal, sob a direção espiritual do Papa e da Cúria, em Roma.

História[editar | editar código-fonte]

Durante o século XI a Hungria foi dividida por Santo Estêvão em onze dioceses.[2] Após a edição do Missal Romano pós-Concílio de Trento de São Pio V, estava em uso no Reino da Hungria um rito próprio, o rito de Esztergom.[3] Após o Concílio de Trento, o missal de Esztergom permaneceu em uso até o sínodo de 1629, no qual a introdução do Missal Romano, de Pio V, foi aprovada por unanimidade, com a adição das festas dos santos do Reino da Hungria, dois dos quais também estavam incluídos no calendário romano geral: Santo Estêvão e Santo Adalberto de Praga.[4]

Em 31 de maio de 1993, sob a bula papal Hungarorum gens, de São João Paulo II, as dioceses latinas húngaras assumiram suas atuais fronteiras.[5]

Organização territorial[editar | editar código-fonte]

Mapa das dioceses católicas húngaras de rito latino.

No contexto da organização eclesiástica católica romana de 1993, com uma reestruturação territorial que leva em conta, entre outras coisas, as perdas territoriais sofridas pela Hungria com o Tratado de Trianon.

Rito latino[editar | editar código-fonte]

Rito bizantino[editar | editar código-fonte]

Nunciatura Apostólica[editar | editar código-fonte]

A Santa Sé e a Hungria estabeleceram relações diplomáticas em 1920. Estas relações foram interrompidas após a Segunda Guerra Mundial, quando os comunistas assumiram o poder no país. As relações diplomáticas foram retomadas em 2 de fevereiro de 1990. O cargo de núncio apostólico para a Hungria está vacante desde dezembro de 2017.

Conferência Episcopal[editar | editar código-fonte]

A Conferência dos Bispos Católicos da Hungria é atualmente presidida por András Veres, desde 2 de setembro de 2015.

Referências

  1. Catholic Ireland (16 de agosto de 2012). «Aug 16 – St Stephen of Hungary (975-1038) King, Patron». Consultado em 7 de março de 2018 
  2. Szent István Társulat [Società Santo Stefano], Magyar Katolikus Lexikon, Budapest, 1993-2000, vol. II, pp. 516-517
  3. Ján Dubina, I riti peculiari del Triduo Pasquale in Slovacchia, Romae, 2012, pp. 31-37
  4. Ján Dubina, I riti peculiari del Triduo Pasquale in Slovacchia, Romae, 2012, pp. 39-41
  5. (em latim) Bolla Hungarorum gens, AAS 85 (1993), pp. 871-876.

Ver também[editar | editar código-fonte]