Igreja Nossa Senhora do Brasil (Rio de Janeiro)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Igreja Nossa Senhora do Brasil', localizada no bairro carioca da Urca, foi construída em terreno doado, em 1929, pela Sociedade Anônima Empresa Urca, tendo sido a primeira igreja no Brasil dedicada exclusivamente a Nossa Senhora do Brasil.[carece de fontes?]

O projeto, do arquiteto Frederico Darrigue de Faro Filho, teve suas linhas inspiradas nas capelas missioneiras da Flórida.

A igreja foi inaugurada em 1934, e veio a se tornar, dois anos depois, matriz da paróquia da Urca e Praia Vermelha que inclui as capelas de São Pedro de Alcântara, na antiga reitoria da UFRJ, e de Nossa Senhora dos Navegantes, no Iate Clube do Rio de Janeiro.

Desde sua fundação, a igreja teve apenas três párocos: padre Solano Dantas, de 1931 a 1936, ano em que a igreja foi elevada a matriz; padre Emanuel Barbosa, de 1936 a 1981; a partir daí, o Monsenhor Antonio José de Moraes.

No mar, à sua frente, há uma estátua de bronze de São Pedro, obra de Edgard Duvivier.

Procissão[editar | editar código-fonte]

Houve tempo em que, a cada 29 de junho, uma procissão promovida pela paróquia percorria as ruas do bairro. Deixou de ser feita a partir de 1981 devido às dificuldades de conciliá-la com o trânsito.

A procissão marítima promovida pelos pescadores de Jurujuba, por vezes se estende até a Urca. No ano de 2008, depois de dez anos de ausência, com mais de cem barcos participantes, teve a estátua de São Pedro novamente em seu trajeto, onde passou, por volta de meio-dia, saudada pelo pipocar dos fogos de artifício.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]