Ilha Floreana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Mapa de Floreana

A ilha Floreana é uma ilha das Galápagos. Seu nome é uma homenagem a Juan José Flores, o primeiro presidente do Equador, e foi durante sua administração que o governo equatoriano tomou posse do arquipélago. Também é conhecida como ilha Santa Maria (em homenagem à nau Santa Maria de Cristóvão Colombo= e no passado era chamada ilha Charles (em homenagem ao rei Carlos II da Inglaterra).[1]

A ilha tem uma área de 173 quilômetros quadrados e foi formada por uma erupção vulcânica. O ponto mais alto da ilha é o Cerro Pajas, com 640 metros de altitude, que também é o ponto mais alto do vulcão, como a maioria das ilhas menores de Galápagos.[2]

Referências

  1. Treherne, John E. (1983). The Galápagos Affair. [S.l.]: Random House. ISBN 978-1-4464-6788-6. OCLC 9731840 
  2. Harpp, Karen; Geist, Dennis; Kolezar, Alison; Christensen, Branden; Lyons, John; Sabga, Melissa; Rollins, Nathan (2014). Harpp, Karen; Mittelstaedt, Eric; d'Ozouville, Noemi; Graham, David, eds. The Geology and Geochemistry of Isla Floreana, Galapagos: A Different Type of Late-Stage Ocean Island Volcanism, in The Galapagos: A Natural Laboratory for the Earth Sciences. Hoboken: John Wiley & Sons, Inc. pp. 71–117. ISBN 9781118852415 
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Equador é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.