Ilhas Balleny

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ilhas Balleny
Ilhas Balleny está localizado em: Antártida
Ilhas Balleny
66° 55' S 163° 45' E
Balleny Map.jpg
Mapa do arquipélago
Geografia física
Número de ilhas 3 principais
Ponto culminante 1 524 m (Pico Russel)
Área 781,8  km²
Geografia humana
População 0
Densidade 0  hab./km²

As ilhas Balleny são um arquipélago de de pequenas ilhas desabitadas, principalmente de origem vulcânica,[1] localizadas no oceano Antártico, estendendo-se dos 66°15' aos 67°35'S e dos 162°30' aos 165°00'E, ao largo de cerca de 160 km na direção noroeste-sudeste. As ilhas encontram-se fortemente glaciarizadas, projetando-se das suas encostas línguas de gelo para o mar.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O grupo consta de três ilhas principais: Young, Buckle e Sturge, estratovulcões[2] localizados aproximadamente na mesma linha de noroeste a sudeste, e alguns outros ilhéus pequenos e rochedos:

  • a nordeste de la ilha Young: rochas Seal, Pillar;
  • a sudeste de la ilha Young: ilha Row, ilha Borradaile (com um refúgio chamado base Swan );
  • a sul de la ilha Buckle: Cono Scott, ilhéu Chinstrap, ilhéu Sabrina (com o refúgio Sabrina), e The Monolith.

Ilhas e rochedos, de norte a sul:

Grupo Ilha/ilhéu/rochedo Área (km²) Ponto mais alto (m)
Young e ilhéus próximos Rochedos Seal 0,0 15
Pillar 0,0 51
Ilha Young 225,4 Pico Freeman, 1 340
Ilha Row 1,7 183
Ilha Borradaile 3,5 381
Pináculo Beale 0,0 61
Buckle e ilhéus próximos Ilha Buckle 123,6 1238
Cono Scott 0,0 31
Cono Eliza 0,0 67
Ilhéu Chinstrap 0,0 -
Ilha Sabrina 0,2 90
The Monolith 0,1 79
Sturge (não tem ilhéus) Ilha Sturge 437,4 Pico Russel 1524
Ilhas Balleny 781,8 Pico Russel, 1524

O círculo polar antártico passa muito perto da ilha Borradaile, no canal de 8 km entre as ilhas Young e Buckle. A ilha Buckle e os ilhéus próximos Sabrina são local de habitat de algumas colónias de pinguins-de-adélia (Pygoscelis adeliae) e pinguins-de-barbas (Pygoscelis antarctica).

A área total das ilhas é de 400 km² e o ponto mais alto chega aos 1524 m, o até agora não escalado pico Brown na ilha Sturge.

Reclamação territorial[editar | editar código-fonte]

As ilhas Balleny são reclamadas peça Nova Zelândia como parte da Dependência de Ross, mas esta reclamação está sujeita às disposições do Tratado Antártico.

História[editar | editar código-fonte]

Os capitães baleeiros John Balleny e Thomas Freeman foram os primeiros a avistar este grupo de ilhas em 1839. Freeman foi a primeria pessoa a desembarcar nas ilhas em 9 de fevereiro de 1839, sendo esse o primeiro desembarque a sul do círculo polar antártico.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • LeMasurier, W. E.; Thomson, J. W. (eds.) (1990). Volcanoes of the Antarctic Plate and Southern Oceans. American Geophysical Union. pp. 512 pp. ISBN 0-87590-172-7.

Referências

  1. W.E. LeMasurier; J.W. Thomson (1990). Volcanoes of the Antarctic Plate and Southern Oceans. [S.l.]: American Geophysical Union. pp. 512 pp. ISBN 0-87590-172-7 
  2. GVP, Smithsonian. «Volcanoes of Antarctica - Antarctica and South Sandwich Islands». Smithsonian Institution National Museum of Natural History Global Volcanism Program. Consultado em 17 de abril de 2011. Cópia arquivada em 14 de maio de 2011  |deadurl= e |urlmorta= redundantes (ajuda)