Imposição de mãos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis publicadas por terceiros (desde abril de 2015).
Por favor, melhore-o, incluindo referências mais apropriadas vindas de fontes fiáveis e independentes.
Fontes primárias, ou que possuem conflito de interesse geralmente não são suficientes para se escrever um artigo em uma enciclopédia.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
O patriarca maronita Béchara Boutros Raï impõe as mãos na cabeça de dom Maurício Malvestiti, na ordenação episcopal dele, em 11 de outubro de 2015. Atraès deles, os cardeais Sandri e Müller.

A Imposição de mãos é um ritual religioso que acompanha certas práticas religiosas e que é encontrado em todo o mundo sob diferentes formas.

Na Igreja Latina, o termo imposição das mãos é referido como impositio manuum.[1]

É referido no Novo Testamento da Bíblia pelo qual os apóstolos de Jesus Cristo e Paulo (Livro dos Atos dos Apóstolos 19,1-8) ministravam curas e ordenavam (isto é, conferiam o Sacramento da Ordem) os fiéis como novos missionários, diáconos, presbíteros, e bispos.[carece de fontes?]

Na Igreja Católica, desde as primeiras comunidades até hoje - e especialmente regulamentado no Concílio de Trento - permanece sendo utilizado nas ordenações.[carece de fontes?]

É muito utilizada pela igreja evangélica nas suas orações de intercessão, assim como no movimento de Renovação Carismática da Igreja Católica.[carece de fontes?]

É a base da terapia Reiki, que consiste em canalizar a energia vital pela imposição das mãos para a cura física dos que a recebem, desenvolvida em 1922 pelo Dr. Mikao Usui, e introduzida nos Estados Unidos da América por volta de 1940 pela Sra. Hawayo Takata, uma estadunidense de origem japonesa. Nesse caso, não há conotação religiosa.[carece de fontes?]

Também é utilizada pela Igreja Messiânica Mundial, movimento religioso fundado em 1935 no Japão por Meishu-Sama, cujo conceito central é o Johrei (luz divina), um método que pode canalizar a luz divina no corpo de outra pessoa, com intuito de curá-la de seus males físicos e espirituais.[carece de fontes?]

No Espiritismo de Allan Kardec, a imposição de mãos é administrada através do passe espírita, onde um indivíduo, que recebe o nome de passista, canaliza sobre outra pessoa fluidos ou energias benéficos, oriundos do próprio passista, de bons espíritos, ou ainda de ambas as fontes.[carece de fontes?]

Também na Umbanda, religião brasileira de influências africanas, espíritas, católicas e xamânicas, é utilizada pelos espíritos incorporados nos médiuns para realizarem a limpeza espiritual dos consulentes.[carece de fontes?]

No Mormonismo, doutrina fundamentada com o nome de A igreja de Jesus Cristo dos Santos dos últimos dias, utiliza-se a imposição de mãos para curar, ordenar a cargos na igreja, conferir o Espírito Santo, Conferir os sacerdócios em seus respectivos ofícios, Conferir bênçãos específicas e a Benção Patriarcal. No "ritual" de cura é utilizado um óleo chamado de Óleo Consagrado.[carece de fontes?]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.