In vivo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde fevereiro de 2010). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

In vivo (Latim: dentro do vivo) significa "que ocorre ou tem lugar dentro de um organismo". Em ciência, in vivo refere-se à experimentação feita dentro ou no tecido vivo de um organismo vivo, em oposição a um parcialmente ou totalmente morto. Experiências com animais e ensaios clínicos são formas de investigação in vivo.

A análise in vivo é importante para o estudo de fenômenos dinâmicos e para estudos que exigem que as células mantenham suas atividades vitais. Por isso, na análise in vivo a observação é feita imediatamente após a coleta, conservando-se todas as características vitais do objeto de estudo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.