Informática médica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Informática médica, segundo Blois & Shortliffe, é o campo de estudo relacionado à vasta gama de recursos que podem ser aplicados no gerenciamento e utilização da informação biomédica, incluindo a computação médica e o próprio estudo da natureza da informação médica. É um campo multidisciplinar.[1]

Se biologia significa literalmente 'o estudo da vida', e patologia significa 'o estudo da doença', então informática médica significa o 'estudo da informação na prestação de cuidados de saúde'. É o estudo racional da forma como pensamos os pacientes e da forma como são definidos, selecionados e evoluem os tratamentos. É o estudo da forma como o conhecimento médico é criado, moldado, partilhado e aplicado. Em última análise, é o estudo de como nos organizamos na criação e funcionamento diário das organização de prestação de cuidados de saúde. (explicação sugerida por Enrico Coiera)

As principais áreas de atuação são:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Nadri H, Rahimi B, Timpka T, Sedghi S (August 2017). «The Top 100 Articles in the Medical Informatics: a Bibliometric Analysis». Journal of Medical Systems. 41 (10). 150 páginas. PMID 28825158. doi:10.1007/s10916-017-0794-4  Verifique data em: |data= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]