Ingoldo, o Mal Governante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Ingjald Illråde)
Ir para: navegação, pesquisa
Ingoldo, o Mal Governante
Rei lendário dos suíones
Ingoldo, o Mal Governante queima vivos dentro de casa os reis rivais
Antecessor(a) Amundo
Sucessor(a) Ivar Braço Longo
Casa Casa dos Inglingos
Filho(s) Olavo e Åsa
Pai Amundo

Ingoldo, o Mal Governante ou Ingoldo, o Malfeitor (em sueco: Ingjald illråde; em nórdico antigo Ingjald illráða) foi um rei lendário da Suécia no século VII. Está referido na Saga dos Inglingos do historiador islandês Snorri Sturluson do século XIII, na Lista dos Inglingos do século X, e na Gesta Danorum de Saxão Gramático do século XII. Pertenceu à Casa dos Inglingos, sendo filho do rei Amundo, e pai de Åsa e Olavo.[1]

A Saga dos Inglingos conta: Ingoldo era rei de Uppsala. Expandiu o seu reino com violência, tendo queimado dentro de casa outros reis seus rivais. Acabou por ser derrubado por Ivar Braço Longo, tendo ele próprio escolhido morrer com a sua filha Åsa queimados dentro de casa. E assim acabou a Dinastia dos Inglingos. [1][2]

Referências

  1. a b «Ingjald Illråde» (em sueco). Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 8 de junho de 2014 
  2. LAGERQUIST, Lars O. Sveriges Regenter: Från forntid till nutid (em sueco). Estocolmo: Norstedts, 1997. Capítulo: Forntid.  440 p. p. 20-21. ISBN 91-1-963882-5 Página visitada em 8 de junho de 2014.

Fontes[editar | editar código-fonte]

  • «Ingjald Illråde» (em sueco). Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 8 de junho de 2014 
  • LAGERQUIST, Lars O. Sveriges Regenter: Från forntid till nutid (em sueco). Estocolmo: Norstedts, 1997. Capítulo: Forntid.  440 p. p. 20-21. ISBN 91-1-963882-5 Página visitada em 8 de junho de 2014.
  • «I skymningslandet mellan dikt och verklighet» (em sueco). Bengans historiasidor: Historien sedd från Västergötland. Consultado em 8 de junho de 2014 
Precedido por
Amundo
Rei da Suécia
século VII
Sucedido por
Ivar Braço Longo