Ingrid da Suécia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Para a monja do século XIII, veja Ingrid de Skänninge.
Ingrid
Princesa da Suécia
Rainha Consorte da Dinamarca
Reinado 20 de abril de 1947
a 14 de janeiro de 1972
Predecessora Alexandrina de Mecklemburgo-Schwerin
Sucessor(a) Henrique de Laborde de Monpezat
 
Marido Frederico IX da Dinamarca
Descendência Margarida II da Dinamarca
Benedita da Dinamarca
Ana Maria da Dinamarca
Casa Bernadotte (por nascimento)
Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg (por casamento)
Nome completo
Ingrid Vitória Sofia Luísa Margarida
Nascimento 28 de março de 1910
Palácio Real de Estocolmo, Estocolmo, Suécia
Morte 7 de novembro de 2000 (90 anos)
Palácio de Fredensborg, Fredensborg-Humlebæk, Dinamarca
Sepultamento Catedral de Roskilde, Roskilde, Dinamarca
Pai Gustavo VI Adolfo da Suécia
Mãe Margarida de Connaught

Ingrid Vitória Sofia Luísa Margarida (Estocolmo, 28 de março de 1910Fredensborg-Humlebæk, 7 de novembro de 2000) foi a esposa do rei Frederico IX e Rainha Consorte da Dinamarca de 1947 até 1972.

Única filha do rei Gustavo VI Adolfo da Suécia e de sua primeira esposa, a princesa Margarida de Connaught, Ingrid perdeu sua mãe, uma neta da rainha Vitória do Reino Unido, quando tinha dez anos. Pouco tempo depois, seu pai desposou sua prima, lady Luísa Mountbatten, com quem teve uma filha natimorta.

Em 1928, Ingrid encontrou-se com seu primo, o Príncipe de Gales, e foi considerada uma possível esposa para o herdeiro do trono britânico; porém, o noivado não ocorreu.

Em 24 de maio de 1935, a princesa Ingrid desposou Frederico, príncipe herdeiro da Dinamarca. Ambos eram descendentes de Óscar I da Suécia, do grão-duque Leopoldo I de Baden e de Paulo I da Rússia. Com a ascensão de seu marido ao trono, no dia 20 de abril de 1947, Ingrid tornou-se oficialmente a rainha da Dinamarca. O casal teve três filhas:

Após sua morte, a rainha Ingrid foi enterrada ao lado de seu marido, na Catedral de Roskilde, perto de Copenhagen.

Monograma Real da rainha Ingrid.
Precedida por:
Alexandrina de Mecklemburgo-Schwerin
Armoiries de la reine Ingrid du Danemark.svg
Rainha Consorte da Dinamarca

20 de abril de 1947
a 14 de janeiro de 1972
Sucedida por:
Henri de Montpezat
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ingrid da Suécia
Ícone de esboço Este artigo sobre uma Rainha é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.