Instinto (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Instinto
Instinct
 Estados Unidos
1999 •  cor •  126 min 
Direção Jon Turteltaub
Produção Michael Taylor
Barbara Boyle
Roteiro Gerald Di Pego (história)
Baseado em Ismael de Daniel Quinn
Elenco Anthony Hopkins
Cuba Gooding, Jr.
Donald Sutherland
Maura Tierney
George Dzundza
John Ashton
Gênero drama
suspense
Música Danny Elfman
Cinematografia Philippe Rousselot
Edição Richard Francis-Bruce
Companhia(s) produtora(s) Touchstone Pictures
Spyglass Entertainment
Distribuição Buena Vista Pictures
Lançamento Estados Unidos 4 de junho de 1999
Portugal 23 de julho de 1999
Idioma inglês
Orçamento US$80 milhões
Receita US$34,105,207
Página no IMDb (em inglês)

Instinct (no Brasil e em Portugal, Instinto[1][2]) é um filme de drama e suspense produzido nos Estados Unidos em 1999, coescrito por Gerald Di Pego e dirigido por Jon Turteltaub. Foi muito vagamente inspirado pelo romance filosófico de 1992, Ismael - Um romance da condição humana, escrito por Daniel Quinn,[3] que examina a mitologia, seus efeitos na ética, e como isso reflete na sustentabilidade.

Nos Estados Unidos, o filme teve o título provisório de Ishmael. Em 2000, o filme foi indicado e ganhou um prêmio Genesis Awards na categoria de filme.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Dr.Ethan Powell (Anthony Hopkins) é um antropólogo que foi pra Uganda pesquisar a vida dos gorilas e lá passou um tempo vivendo como “um integrante aceito” no grupo desses antropóides. Mas acontece uma trama onde Ethan é acusado de crimes ambientais e acaba sendo extraditado para os Estados Unidos.

Nos Estados Unidos ele é encarcerado em uma prisão famosa por abrigar criminosos psicopatas do mais alto potencial. Na prisão, o ambicioso Dr.Theo Caulder (Cuba Gooding Jr.) vê em Ethan um grande material para desenvolver sua pesquisa para assim se consagrar no campo da psiquiatria. Nesse ínterim as coisas tomam rumos bem diferentes, onde “paciente” e “terapeuta” fazem parte de um papel só.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

O filme recebeu críticas em sua maioria pobres ou mistos. Metacritic, que atribui uma pontuação média ponderada de 100 a opiniões dos críticos tradicionais, afirma que o filme recebeu uma pontuação média de 43 com base em 23 comentários.[4] O filme também teve um fraco desempenho nas bilheterias, arrecadando apenas $34,105,207 nos Estados Unidos e Canadá.[5] O filme ganhou um Prêmio Genesis Awards por seus temas de direitos dos animais.[6]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Instinct
Trilha sonora de Danny Elfman
Lançamento 1999
Cronologia de Danny Elfman
Men in Black: The Album
(1997)
Sleepy Hollow
(1999)
  1. "Main Title"
  2. "Into the Wild"
  3. "Back to the Forest"
  4. "Everybody Goes"
  5. "The Killing"
  6. "The Riot"
  7. "Escape"
  8. "End Credits"

Referências

  1. Instinto (filme) (em português) no AdoroCinema (Brasil)
  2. Instinto (filme) (em português) no CineCartaz (Portugal)
  3. O'Hehir, Andrew (5 de junho de 1999). «Instinct review». Salon.com. Consultado em 30 de novembro de 2013.. Cópia arquivada em 30 de novembro de 2012 
  4. «Instinct reviews». Metacritic. CBS Interactive. Consultado em 30 de novembro de 2013. 
  5. «Instinct (1999)». Box Office Mojo. Internet Movie Database. Consultado em 30 de novembro de 2013. 
  6. Genesis Awards 2000

Ligações externas[editar | editar código-fonte]