Instituto Politécnico do Cávado e do Ave

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde janeiro de 2017). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Instituto Politécnico do Cávado e do Ave
IPCA.png
IPCA
Fundação 19 de Dezembro de 1994
Tipo de instituição Pública
Localização Barcelos
Presidente Maria José Fernandes
Graduação 2.156
Página oficial http://www.ipca.pt

O Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA) é uma instituição do ensino superior público português, criado em 1994, pelo Decreto-Lei 304/94 de 19 de Dezembro. Oferece cursos de licenciatura, mestrados, especialização tecnológica, pós-graduação, em regime diurno e pós-laboral. Constituído por quatro escolas, Escola Superior de Gestão, Escola Superior de Tecnologia, Escola Superior de Design, Escola Superior de Hotelaria e Turismo e dois Pólos, em Braga e em Guimarães, onde funcionam os Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP). O IPCA é uma Instituição de ensino superior público que realiza atividades nos domínios de formação graduada e pós-graduada, com a preparação de profissionais com elevado nível de qualidade.

Escolas[editar | editar código-fonte]

  • ESG - Escola Superior de Gestão de Barcelos
  • EST - Escola Superior de Tecnologia de Barcelos
  • ESD - Escola Superior de Design de Barcelos
  • ESHT - Escola Superior de Hotelaria e Turismo

Unidades de Investigação[editar | editar código-fonte]

  • CICF - Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade
  • Digital Games Research Center

Evolução[editar | editar código-fonte]

  • 19 de Dezembro de 1994 é criado o Instituto Politécnico do Cávado e Ave.
  • Em Outubro de 1996 inicia-se a actividade lectiva.
  • No Ano lectivo de 2008 Escola Superior de Gestão tem novas instalações no Campus do IPCA, sendo que no ano seguinte junta-se Escola Superior de Tecnologia (EST) no campus.
  • Em 2007, foi criado o Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade do IPCA, tendo sido reconhecido oficialmente pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) em 2007.
  • Em 2013, foi inaugurado o Laboratório de Jogos Digitais, o Laboratório de Electrónica para Automação e Robótica, e outros espaços adjacentes.
  • Em 2015, foi criada a Escola Superior de Design, a mais recente unidade orgânica do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave.
  • Em 2015, foi inaugurado um novo edifício no Campus do IPCA – o Praxis XXI – onde funciona o Centro de Investigação Técnico-Científico do Cávado e do Ave
  • Em 2015, foi inaugurado os pólos em Braga e Guimarães para os CETS
  • Em 2017 o curso de Design Gráfico ganha pela primeira vez o tão conceituado Cortejo Académico.
  • Em 2017, foi criada a Escola Superior de Hotelaria e Turismo
  • Em 2017, foi inaugurado o acesso pedonal que ligará o campus do IPCA ao centro da cidade de Barcelos
  • Em 2017, foi inaugurado o acesso rodoviário que ligará o IPCA à circular de Barcelos
  • Em 2018, foi aprovada, através de Decreto-Lei, a transformação do IPCA em Fundação Pública com regime de direito privado

Protocolos de cooperação Pedagógica[editar | editar código-fonte]

Membro[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]