Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde novembro de 2016). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Emblem-scales.svg
A neutralidade deste artigo ou se(c)ção foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão.
IAMSPE
O prédio principal em 2008
Nome completo Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual
Localização São Paulo, SP
 Brasil
Fundação 9 de julho de 1961 (57 anos)[1]
Tipo Público
Especialidades Diversas
Site www.iamspe.sp.gov.br
editar

O IAMSPE (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual), é uma autarquia do Estado de São Paulo ligada à Secretaria de Governo do Estado de São Paulo cujo principal objetivo é prestar atendimento médico aos funcionários públicos estaduais de São Paulo, seus dependentes e agregados.[2][3]

Com uma estrutura gigantesca, que compreende o Hospital do Servidor Público Estadual “Francisco Morato de Oliveira” (HSPE-FMO) na capital, inaugurado em 9 de julho de 1961, o Iamspe ainda possui 18 Centros de Assistência Médica Ambulatorial (Ceamas) espalhados pelas principais cidades do interior paulista, além de centenas de convênios com hospitais, clínicas e laboratórios, que atendem aos funcionários e seus dependentes dentro de suas próprias regiões. O principal edifício localiza-se na capital de São Paulo, coordenadas aproximadas de latitude 23°S e longitude 46°W, próximo à Estação AACD-Servidor da Linha 5 do Metrô.[4]

Em fevereiro de 2011, o Iamspe oferecia atendimento médico local em 200 municípios do Estado de São Paulo oferecidos pela rede própria, hospitais credenciados e médicos credenciados que atendem em consultórios e clínicas particulares, resultado da adoção de de expandir a rede de atendimento e melhorar as condições de atendimento, inclusive com reformas das instalações próprias e compras de mobiliário e equipamentos mais modernos para o Hospital do Servidor Público Estadual. A reforma no Serviço de Radiologia, acompanhada da chegada de novos equipamentos como tomógrafo multislice e ressonância magnética, permitiu ampliar de 23 mil para 30 mil o número de exames de imagem realizados por mês no hospital. Entretanto, como a maioria dos centros públicos de saúde no país, ainda apresenta graves problemas, como a demora de meses para o agendamento de uma consulta e a obsolescência de boa parte dos seus equipamentos.

Após ter passado por reformas, o pronto-socorro do Hospital do Servidor Público Estadual agora conta com um Programa de Acolhimento com Avaliação e Classificação de Risco, que prioriza o atendimento de acordo com o estado de saúde do paciente.

No Interior, o Iamspe desenvolve o Programa de Gerenciamento de Pacientes Crônicos que possui cadastrados mais de 9 mil pacientes portadores de doenças crônicas como diabetes e hipertensão.

O concurso de residência médica de 2018 do IAMSPE para o preenchimento de 247 vagas reuniu mais de 4900 inscritos, conforme o site oficial da VUNESP.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Hospital do Servidor Público Estadual de SP

Referências

  1. «História». Iamspe. Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  2. «Pacientes reclamam de demora e mau atendimento no IAMSPE em SP». São Paulo: G1. 27 de setembro de 2018 
  3. «Iamspe». Governo do Estado de São Paulo 
  4. «IAMSPE - Hospital do Servidor Público Estadual». Google Maps. Consultado em 2 de janeiro de 2018 
Ícone de esboço Este artigo sobre um hospital ou uma instituição de saúde é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.