Insurgência afar (1995–presente)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Segunda insurgência afar
Parte da(o) Conflito fronteiriço etíope-eritreu
Afar Triangle (political map).png
Mapa com áreas de maioria Afar destacadas em vermelho.
Data 1995 – presente
Local Região Afar, Etiópia
Região Mar Vermelho do Sul, Eritreia
Desfecho
Status em curso
Combatentes
FUDRA[1][2]

 Eritreia (contra a ODAMV e aliados)[1]

ODAMV

FDUE
MDLKE
FNSE
FLPE
MDPS
 Etiópia (contra a ODAMV).[3]

Principais líderes
Mohamuda Ahmed Gass[4]
Ahmed Umer Kakay
Ibrahim Harun

Yasin Mohamed[5][6]
Siraj Fergessa

A segunda insurgência afar é uma insurgência em curso na Região Afar, na Etiópia, e na Região Mar Vermelho do Sul, na Eritreia (também conhecida como Dankalia), realizada por vários grupos rebeldes afares. Tanto a Etiópia como a Eritreia apoiam diferentes grupos rebeldes na região em uma guerra por procuração e ocasionalmente se envolvem em escaramuças fronteiriças, bem como com grupos rebeldes opostos.[7]

Histórico[editar | editar código-fonte]

A Frente de Unidade Democrática Revolucionária Afar (FUDRA) foi fundada em 1993, através da fusão de três grupos rebeldes afares, a União Democrática Revolucionária Afar, a Afar Ummatah Demokrasiyyoh Focca (AUDF) e as Forças Revolucionárias Afar (FRA). Os três grupos foram unidos sob o objetivo de criar um Estado independente na Região Afar. O grupo opera dentro Etiópia, supostamente recebendo apoio da Eritreia. Em 1995, a FUDRA cometeu seu primeiro ataque, sequestrando um turista italiano. A vítima seria mais tarde liberada ilesa. [1][2][8]

A Organização Democrática Afar do Mar Vermelho (ODAMV) foi fundada em 1999. Junto com a Frente Nacional de Salvação Eritreia (FNSE), o grupo opera a partir de bases localizadas na Etiópia, lançando ataques no território eritreu. Ambos os grupos são supostamente apoiados pela Etiópia. [2][9][10]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Eritrea hosts regional rebels». Wikileaks. 5 de dezembro de 2007 
  2. a b c «Q&A: Ethiopia's Afar region». BBC. 18 de janeiro de 2012 
  3. «Exiled Eritrean rebel groups plan joint military attack against regime». Sudan Tribune. 7 de setembro de 2013 
  4. «BBC Monitoring Alert - ETHIOPIA». Wikileaks. 3 de Maio de 2010 
  5. «Eritrean rebels claim to have killed dozens of intelligence agents». Sudan Tribune. 29 de Abril de 2014 
  6. «Red Sea Afar rebels attack Eritrean military camp». Sudan Tribune. 26 de janeiro de 2006 
  7. «Etiópia e Eritreia à beira (de novo) da guerra?». voaportugues.com. 20 de março de 2012 
  8. «Political Parties». Abril de 1997 
  9. «ETHNIC AFAR OPPOSITION GROUP CLAIMS ATTACK ON GSE». Wikileaks. 26 de outubro de 2006 
  10. «ERITREA/ETHIOPIA/CT/MIL-Eritrea rebels say killed 17 soldiers in raid». Wikileaks. 1 de dezembro de 2011