Interface de programação de aplicações

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Interface de Programação de Aplicações (pt) ou Interface de Programação de Aplicação (pt-BR)), cuja sigla API provém do Inglês Application Programming Interface, é um conjunto de rotinas e padrões estabelecidos por um software para a utilização das suas funcionalidades por aplicativos que não pretendem envolver-se em detalhes da implementação do software, mas apenas usar seus serviços.[1]

De modo geral, a API é composta por uma série de funções acessíveis somente por programação, e que permitem utilizar características do software menos evidentes ao utilizador tradicional.[2]

Por exemplo, um sistema operativo possui uma grande quantidade de funções na API, que permitem ao programador criar janelas, aceder a arquivos, cifrar dados etc. Mas as APIs dos sistemas operativos costumam ser dissociadas de tarefas mais essenciais, como a manipulação de blocos de memória e acesso a dispositivos. Essas tarefas são atributos do núcleo de sistema e raramente são programáveis.[3] Outro exemplo são programas de desenho geométrico que possuem uma API específica para criar automaticamente entidades de acordo com padrões definidos pelo utilizador.

Mais recentemente, o uso de API tem-se generalizado nos plugins (acessórios que complementam a funcionalidade de um programa). Os autores do programa principal fornecem uma API específica para que outros autores criem plugins, estendendo as funcionalidades do programa.

Propósito[editar | editar código-fonte]

O propósito das APIs é o de simplificar o desenvolvimento de programas e aplicações, através da abstração dos diversos elementos que compõem um software. Isso permite que o desenvolvedor não precise saber detalhadamente a implementação de todas as partes que compõem um sistema, mas sim, precisará saber como utilizar os serviços fornecidos pelas APIs de seu interesse e como se dará a interação destas com os outros elementos de seu software.

API Web[editar | editar código-fonte]

É um conjunto de interfaces no contexto de desenvolvimento Web. Uma API é um conjunto definido de mensagens de requisição e resposta HTTP, geralmente expresso nos formatos XML ou JSON. A chamada Web 2.0 vem abandonando o modelo de serviços SOAP em favor da técnica REST.

Enquanto você usufrui de um aplicativo ou site, este pode estar conectado a diversos outros sistemas e aplicativos via APIs sem que se perceba.

Um exemplo popular é a rede social Twitter[4], sendo possível ler e publicar mensagens.[5] De maneira semelhante, é possível ler e publicar mensagens no Reddit.[6]

Referências

  1. «Application Program Interface». Foldoc. Consultado em 9 de fevereiro de 2011 
  2. «Application Programming Interface». Computerworld. Consultado em 9 de fevereiro de 2011 
  3. «API Overview: Tech Center». NPR. Consultado em 9 de fevereiro de 2011 
  4. API, Twitter, consultado em 19 de maio de 2013, cópia arquivada em |arquivourl= requer |arquivodata= (ajuda) 🔗 .
  5. Benslimane, Djamal; Dustdar, Schahram; Sheth, Amit (2008), «Services Mashups: The New Generation of Web Applications» [Mashup de serviços: a nova geração de aplicações na Teia], IEEE, Internet Computing (em = en), 12 (5) [ligação inativa]
  6. «Reddit API documentation». Reddit. Consultado em 18 de junho de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Informática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.