Intergênero

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Intergenericidade.
Bandeira intergênera

Intergênero ou intergeneridade denota uma identidade de gênero não-binária de pessoas intersexo que identificam a sua variação intersexo como interligada à sua vivência ou experiência de gênero.[1] Outra definição, também usada para definir intergénero, é a de um gênero num ponto intermediário entre os gêneros masculino e feminino, incluindo tanto pessoas intersexo quanto não-intersexo.[2]

O mesmo termo também pode ser usado no contexto desportivo, entre outros contextos,[3] para conotar algo, que se pratica, entre gêneros ou sexos distintos.[4][5]

História[editar | editar código-fonte]

Em 1998, há uma espécie de manifesto, em que descreve inter-género como identidade semelhante a não-binárie:[6][7]

Intergênero é um estado de gênero entre os extremos polares do homem e da mulher. Intergênero *não* se identifica principalmente como mulher ou homem. Isso equivale a uma rejeição total do sistema binário de gênero e a declarar que existe mais do que apenas homem ou mulher. Tudo se resume a afirmar que existem tantos estados válidos com gênero quanto pessoas. Alguns podem sentir qualidades masculinas e femininas fortes (ou fracas) ao mesmo tempo. Alguns podem não se ver no espectro de gênero, descrevendo o que equivale a um estado de gênero nulo.

Em 2014, uma cunhagem independente surgiu no Tumblr, com a definição de midgênero, um centrigênero de homem e mulher, mas somente para uso de pessoas intersexos.[7] Por haver termos, na atualidade, para descrever tal identificação de gênero, como é o caso de bigênero e andrógine, incluindo tanto endossexos quanto intersexos, intergênero acabou sendo uma identidade exclusivamente intersexo. O termo intergênero não necessariamente expressa uma não-binaridade inerente desde então, pois pode expressar quão a intersexualidade pode influenciar na percepção da própria experiência de gênero na vivência individual da pessoa intersexo.[8][9]

Referências

  1. «Designers subversivos traçam nova narrativa para 'estilo confronto'». Folha de S.Paulo. 22 de novembro de 2018. Consultado em 2 de fevereiro de 2020 
  2. «» Intergênero». Consultado em 2 de fevereiro de 2020 
  3. «Subgénero o intergénero - Memoria Chilena, Biblioteca Nacional de Chile». www.memoriachilena.gob.cl. Consultado em 2 de março de 2020 
  4. «What does intergender mean?». www.definitions.net (em inglês). Consultado em 28 de fevereiro de 2020 
  5. Oliveira, Maria das Dores Batista de (13 de novembro de 2017). «A exclusão das meninas nas atividades intergênero na educação física mista na cidade de Guarabira-PB» 
  6. «What Is Intergendered?». cydathria.com. Consultado em 30 de março de 2021 
  7. a b «Intergender». Nonbinary Wiki (em inglês). 4 de dezembro de 2020. Consultado em 30 de março de 2021 
  8. February 11, tobyiceblueeyes; 2014 (9 de fevereiro de 2007). «Intergender and intersex». OII Intersex Network (em inglês). Consultado em 30 de março de 2021 
  9. Marquez, Mx Anunnaki Ray (21 de janeiro de 2017). «Intersex, Intergender, and Altersex. Do Intersex Transexuals Exist?». Mx. Anunnaki Ray Marquez (em inglês). Consultado em 30 de março de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre LGBT é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.