Intersom FM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Intersom FM
Rádio FM Cidade Itirapina Ltda.
País  Brasil
Cidade de concessão Bandeira de Itirapina SP ..jpg Itirapina, SP
Frequência(s) FM 103.3 MHz
Antigas frequências:
FM 103.9 MHz (1982-2019)
Sede Bandeira de São Carlos.svg São Carlos, SP
Slogan Essa todo mundo ouve
Fundação 7 de agosto de 1982 (37 anos)
Fundador Geraldo Eugênio
Proprietário(s) Juquita Toledo Piza
Antigo(s) proprietário(s) Geraldo Eugênio (1982-1991)
Formato Comercial
Gênero Entretenimento, jornalismo e música
Faixa etária Todas as idades
Afiliações anteriores Rede Estadão (somente futebol)
Idioma (português brasileiro)
Prefixo ZYM 907
Prefixo(s) anterior(es) ZYD 897 (1982-2019)
Cobertura São Carlos e áreas próximas
Coord. do transmissor 22° 15' 56.5" S 47° 50' 8.2" O
Dados técnicos Potência: 1,75 kW
Classe: A4
RDS: Sim
Agência reguladora ANATEL
Informação de licença
CDB
PDF
Webcast Ouça ao vivo
Aplicativo móvel Google Play: [1]
Página oficial intersomfm.com.br

Intersom FM é uma emissora de rádio brasileira sediada em São Carlos, cidade do estado de São Paulo. Opera no dial FM, na frequência 103.3 MHz, concessionada em Itirapina. Seus estúdios estão localizados no bairro Vila Nery em São Carlos, e seus transmissores estão no alto do Morro do Baú, em Itirapina.

História[editar | editar código-fonte]

A Intersom FM foi fundada em 7 de agosto de 1982 pelo comunicador Geraldo Eugênio Toledo Piza, em sociedade com o empresário Coriolano Morato Ferraz Meireles. A família Toledo Piza há tempos fazia parte da comunicação em São Carlos, uma vez que Geraldo era locutor na Rádio Progresso (hoje Rádio Clube), idealizada pelo seu tio Leôncio Zambel em 1958, e junto com seus irmãos Gerson Toledo Piza ("Juquita") e Marco Antônio Fernandes, era responsável pela Topmaster Indústria Eletrônica, que produzia cartucheiras e outros equipamentos para emissoras de rádio, televisão e telecomunicações.[1]

Desde o início, a rádio manteve uma programação eclética, com playlists musicais variadas, além de programas jornalísticos e de debates, garantindo expressivos índices de audiência em São Carlos e região. Além da Intersom FM, a família Toledo Piza também manteve outra emissora de rádio, que é a Cidade FM de Itirapina, ainda pertencente ao grupo. Em 1991, com o falecimento de Geraldo Toledo Piza, seu irmão Gerson Toledo Piza tornou-se o proprietário da emissora, onde já atuava na direção e locução de alguns programas.[1]

Em 1.º de outubro de 2019, durante a apresentação do Intersom Debates, Juquita anunciou a venda da 103.9 MHz para o grupo Empresas Pioneiras.[2] Com a venda da frequência, foi decidido que a Intersom FM iria passar para a frequência 103.3 MHz, substituindo a sua co-irmã Rádio Cidade. A transição foi iniciada no dia 20 de outubro, quando a programação das duas emissoras passaram a atuar de forma simultânea (incluindo vinhetas unindo as duas marcas). A Intersom FM assumiu em definitivo a nova frequência em 23 de novembro[3], enquanto que a 103.9 MHz iniciou a expectativa para a estreia da CBN São Carlos na semana seguinte, em 30 de novembro.

Programas[editar | editar código-fonte]

  • Jornal da Intersom, com Ruy Carlos Cereda, Mendes Aguiar, e outros
  • Intersom Debates, com Juquita, Nei Santos, Ney Vilela, Azuaite, João Muller, e outros

Referências

  1. a b Braga, Cirilo (21 de dezembro de 2018). «Geraldo Eugênio - locutor e industrial apaixonado pela comunicação». São Carlos Agora. Consultado em 2 de outubro de 2019 
  2. Escrivani, Marcos (1 de outubro de 2019). «Intersom FM é vendida para o grupo EPTV». São Carlos Agora. Consultado em 2 de outubro de 2019 
  3. «InterSom FM prepara estreia em novo canal no Centro-Leste Paulista». tudorádio.com. 25 de novembro de 2019. Consultado em 30 de novembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.