Isabel Briggs Myers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Isabel Briggs Myers
Nascimento 18 de outubro de 1897
Washington, D.C.
Morte 5 de maio de 1980 (82 anos)
Cidadania Estados Unidos
Progenitores Mãe:Katharine Cook Briggs
Pai:Lyman James Briggs
Alma mater Swarthmore College
Ocupação romancista, escritora, psicóloga
Magnum opus Classificação tipológica de Myers Briggs

Isabel Briggs Myers (Washington, D.C., 18 de outubro de 18975 de maio de 1980)[1][2] foi uma escritora e psicóloga estadunidense, mais conhecida por ser, junto a sua mãe, co-criadora do sistema de identificação de personalidades conhecido pela sigla MBTI (de Myers-Briggs Type Indicator).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filha de Lyman Briggs e Katharine Cook Briggs. Estudou em casa com sua mãe, em Washington, D.C., vindo mais tarde a diplomar-se em ciências políticas pelo Swarthmore College. Casou-se, em 1918, com Clarence Myers.[2]

Após sua mãe haver lido a obra de Carl Jung - "Tipos psicológicos" - juntou-se à filha na elaboração do MBTI. Mais tarde, Myers tornou-se colaboradora de Mary McCaulley na condução dos testes de suas pesquisas e do MBTI.

Myers escreveu, em 1928, o premiado romance de suspense "Murder Yet to Come", baseando-se nos tipos psicológicos.[2] Em 1934 publicou seu segundo romance, "Give Me Death".

Após o sucesso inicial, Myers dedicou-se à vida familiar.[2]

Publicações[editar | editar código-fonte]

  • Myers, I. (1995) Gifts Differing:Understanding Personality Type. Davies-Black Publishing,U.S. ISBN 0-89106-074-X
  • Myers, I. (1990) Introduction to Type: A Description of the Theory and Applications of the Myers-Briggs Type Indicator. Center for Applications of Psychological Type Inc ISBN 0-935652-06-X

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Dados biográficos, acesso em janeiro de 2009.
  2. a b c d WATCHER, Paul, Jung Love: The Myers-Briggs Personality Indicator — invented in Swarthmore by an alumna — is either a useful test or a parlor game., Swarthmorre College Bulletin, ed. junho de 2005 (acessado em janeiro de 2009)