Itainópolis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Itainópolis
"Itália"
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Aniversário 1 de junho de 1954
Fundação 12 de fevereiro de 1954 (63 anos)
Gentílico itainopolense
Prefeito(a) Paulo Lopes Moreira (PDT)
(2017–2020)
Localização
Localização de Itainópolis
Localização de Itainópolis no Piauí
Itainópolis está localizado em: Brasil
Itainópolis
Localização de Itainópolis no Brasil
07° 26' 49" S 41° 28' 40" O07° 26' 49" S 41° 28' 40" O
Unidade federativa  Piauí
Mesorregião Sudeste Piauiense IBGE/2008 [1]
Microrregião Alto Médio Canindé IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Vera Mendes, Picos, Santo Inácio do Piauí e Jaicós.
Distância até a capital 355 km
Características geográficas
Área 810,752 km² [2]
População 11 099 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 13,69 hab./km²
Altitude 200 m
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,585 baixo PNUD/2000 [4]
PIB R$ 30 990,986 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 2 717,79 IBGE/2008[5]
Página oficial

Itainópolis é um município brasileiro do estado do Piauí.

História[editar | editar código-fonte]

Itainópolis cidade pequena e pacata, pertencia ao município de Picos. Foi desmembrada no ano de 1954, através da Resolução Estadual Nº 925 de 12 de fevereiro de 1954, sancionada pelo Governador do Estado Pedro Freitas, formando o atual município de Itainópolis.

A origem do município de Itainópolis é bastante desconhecida, mas acredita-se que o povoado de Itainópolis surgiu ainda no século XIX, quando Manoel de Sousa Martins, o Visconde da Parnaíba que foi governador do Piauí, atraído pelas terras férteis do vale do rio Itaim, instalou ali uma fazenda de gado. Alguns sertanejos, também atraídos pelas terras boas, construíram casa aos arredores da fazenda.

O visconde batizou a fazenda de Jenipapo. Ao ser substituído, em 1844, o visconde retirou a fazenda, mas ficaram os sertanejos. Anos mais tarde, as terras da fazenda foram anexadas ao município de Picos e o povoado Jenipapo continuou ali prosperando. Somente em 1954, ele foi elevado a categoria de cidade com o nome de Itainopólis em homenagem ao rio que banha a cidade, o rio Itaim. É uma região de vegetação predominante a caatinga arbustiva e arbórea.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 07º26'49" sul e a uma longitude 41º28'42" oeste, estando a uma altitude de 200 metros. Sua população em 2010 era de 11.099 habitantes. Possui uma área de 782,84 km².

Filhos ilustres[editar | editar código-fonte]

Frank Aguiar; Nivardo Paz: Piauienses naturais de Itainópolis

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

ROCHA, João - Artigo "O Itaim histórico", baseada em pesquisas e estórias. 2009

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Piauí é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.