Itanhém

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Itanhaém.
Município de Itanhém
Bandeira de Itanhém
Brasão indisponível
Bandeira Brasão indisponível
Hino
Aniversário 14 de agosto
Fundação 14 de agosto de 1958 (59 anos)
Gentílico itanhense
Prefeito(a) Zulma Pinheiro dos Santos Vaz (PMDB)
(2017–2020)
Localização
Localização de Itanhém
Localização de Itanhém na Bahia
Itanhém está localizado em: Brasil
Itanhém
Localização de Itanhém no Brasil
17° 09' 57" S 40° 19' 48" O17° 09' 57" S 40° 19' 48" O
Unidade federativa Bahia Bahia
Mesorregião Sul Baiano IBGE/2008 [1]
Microrregião Porto Seguro IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Norte Vereda; Sul Bertópolis; Leste Palmópolis; Oeste Medeiros Neto
Distância até a capital 760 km
Características geográficas
Área 1 445,063 km² [2]
População 20 199 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 13,98 hab./km²
Altitude 210 m
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,637 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 105 074,431 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 4 959,15 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeitura itanhem.ba.gov.br

Itanhém é um município brasileiro do estado da Bahia, situado na região do Extremo Sul.

Segundo a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), o município de Itanhem possuía, em 2014, o terceiro maior rebanho bovino da Bahia, com 162.493 cabeças de gado.


Economia[editar | editar código-fonte]

Divisão do PIB de Itanhém (2014)[6]
Setor Valor
Setor primário R$ 65.265.000,00
Setor secundário R$ 10.244.000,00
Setor terciário R$ 53.860.000,00
Administração pública R$ 53.281.000,00
Impostos R$ 6.358.000,00
Total R$ 189.008.000,00

Produto Interno Bruto (PIB) de Itanhém em 2014 era de aproximadamente 190 milhões de reais. Do valor total do PIB itanhense no referido ano, 65,3 milhões advieram do setor primário, 10,2 milhões do setor secundário, 53,9 milhões do setor terciário, 53,3 milhões da Administração pública e 6,4 milhões foram arrecadados com impostos sobre produtos líquidos de subsídios. O PIB per capita era de 9,1 mil reais.[7]

Em 2010 havia 14.039 habitantes acima de 18 anos no município. Dessa faixa etária, 8.324 (59,3%) eram economicamente ativos e estavam ocupados, enquanto outros 1.127 (8%) estavam desocupados. Os demais 4.588 (32,7%) foram considerados economicamente inativos. Das pessoas ocupadas, 32,27% trabalhavam no setor agropecuário, 0,14% na indústria extrativa, 4,31% na indústria de transformação, 6,49% no setor de construção, 0,29% nos setores de utilidade pública, 15,78% no comércio e 36,38% no setor de serviços.[8]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Evolução populacional de Itanhém[9][10]

Em 2016, a população do município foi contada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 20.554 habitantes. Porém no censo de 2010, quando a cidade possuía 20.216 habitantes, foram levantados dados de que 10.295 (50,93%) eram homens e 9.921 (49,07%) eram mulheres. Ainda segundo o mesmo censo, 14.206 habitantes (70,27%) viviam na zona urbana e 6.010 (29,73) na zona rural. Entre 2000 e 2010, a população de Itanhém decresceu a uma taxa média anual de 0,72%, enquanto a do Brasil aumentou1,17%. O censo também apontou que a taxa de urbanização do município era de 70,27%. Da população total em 2010, 4.938 habitantes (24,43%) tinham menos de 15 anos de idade, 13.007 habitantes (64,34%) tinham de 15 a 64 anos e 2.271 pessoas (11,23%) possuíam mais de 65 anos, sendo que a esperança de vida ao nascer era de 72,4 anos e a taxa de fecundidade total por mulher era de 2,4.[11]

Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH-M) de Itanhém é considerado médio, segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no ano de 2010. Seu valor era de 0,637, sendo o 51º maior, entre os 417 municípios da Bahia e 3357º maior, entre os 5 565 municípios do Brasil.[12] Considerando apenas a educação, o índice era de 0,525, o índice da longevidade era de 0,790; e o de renda era de 0,624. Entre 1991 e 2010, a renda per capita média do medeirense subiu de R$ 164,42 para R$ 388,04, apresentando um aumento total de 136,01%. A proporção de pessoas pobres, ou seja, com renda domiciliar per capita inferior a R$ 140,00 era de 27,57% em 2010. Já a população considerada extremamente pobre, com renda domiciliar per capita inferior a R$ 70,00, era de 10,91% no mesmo ano. O Coeficiente de Gini, que mede a desigualdade social, era de 0,54.[13]

Clima[editar | editar código-fonte]

O clima de Itanhém é tropical (do tipo Aw na classificação climática de Köppen-Geiger), com muito mais chuva no verão do que no inverno e temperatura média anual de 24,5 °C. Agosto é o mês mais seco do ano, apresentando média de 46 mm e novembro é o mês de maior precipitação, com 174 mm de média. O mês mais quente do ano é Janeiro com temperatura média de 26,3 °C, enquanto Julho é o mais frio, com média mensal de 21,8 °C. A precipitação média anual é de 1152 mm.[14]

Dados climatológicos para Itanhém
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Ano
Temperatura máxima média (°C) 31,4 31,4 31,5 29,8 28,7 27,2 26,6 27,5 30,1 29,3 29,5 30,8 29,5
Temperatura média (°C) 26,3 26,3 26,3 25,1 23,8 22,2 21,8 22,2 24,2 24,5 25,0 25,9 24,5
Temperatura mínima média (°C) 21,2 21,2 21,2 20,5 19,0 17,3 17,0 17,0 18,4 19,8 20,5 21,0 19,5
Precipitação (mm) 130 90 105 86 64 49 69 46 60 138 174 141 1 152
Fonte: Climate-Data (médias de temperatura).[15]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 24 de agosto de 2013 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «Produto Interno Bruto dos Municípios 2014 - Itanhém». IBGE. Consultado em 6 de agosto de 2017 
  7. «PIB - Itanhém». IBGE. Consultado em 5 de agosto de 2017 
  8. «Atlas Brasil - Itanhém». Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil. Consultado em 5 de agosto de 2017 
  9. Atlas Brasil. «Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil». Consultado em 5 de agosto de 2017 
  10. IBGE. «Itanhém - População estimada 2016». Consultado em 5 de agosto de 2017 
  11. «Atlas Brasil - Itanhém». Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil. Consultado em 5 de agosto de 2017 
  12. «IDHM Municípios 2010». PNUD Brasil. Consultado em 5 de agosto de 2017 
  13. «Atlas Brasil - Itanhém». Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil. Consultado em 5 de agosto de 2017 
  14. «Clima: Itanhém - Gráfico climático, Gráfico de temperatura, Tabela climática - Climate-Data.org». pt.climate-data.org. Consultado em 5 de agosto de 2017 
  15. CLIMATE-DATA. «CLIMA: ITANHÉM». Consultado em 5 de agosto de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre um município da Bahia é um esboço relacionado ao WikiProjeto Nordeste do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.