Itapissuma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Itapissuma
"Terra da Caldeirada"
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 15 de maio de 1982 (34 anos)
Fundação 1982
Gentílico itapissumense [1]
Prefeito(a) Cláudio Luciano da Silva Xavier (PSDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Itapissuma
Localização de Itapissuma em Pernambuco
Itapissuma está localizado em: Brasil
Itapissuma
Localização de Itapissuma no Brasil
07° 46' 33" S 34° 53' 31" O07° 46' 33" S 34° 53' 31" O
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião Metropolitana de Recife IBGE/2013[2]
Microrregião Itamaracá IBGE/2013[2]
Região metropolitana Recife
Municípios limítrofes Goiana, a norte; Igarassu, a sul e oeste; e Ilha de Itamaracá, a leste.
Distância até a capital 45 km
Características geográficas
Área 74,249 km² [3]
População 25 798 hab. (PE: 79°) –  estatísticas IBGE/2015[4]
Densidade 347,45 hab./km²
Altitude 7 m
Clima Tropical As'
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,633 (PE: 35°) – médio PNUD/2010 [5]
PIB R$ 1 120 509 mil (PE:24°) – IBGE/2013[6]
PIB per capita R$ 44 429 36 IBGE/2013[6]
Página oficial

Itapissuma é um município brasileiro do estado de Pernambuco. É constituído pelo distrito sede e pelo povoado de Botafogo .


História[editar | editar código-fonte]

O topônimo Itapissuma é de origem tupi e significa "pedra negra" em razão das grandes pedras moles que ficavam à beira do Canal de Santa Cruz que banha o município.

O local era primitivamente um aldeamento indígena e com a chegada dos padres franciscanos em missão religiosa foi fundada uma vila em 1588. Quando os holandeses ocuparam Pernambuco, construíram uma ponte que unia a vila à ilha de Itamaracá - à época capitania do donatário Duarte Coelho, hoje chamada Ponte Getúlio Vargas. A primeira capela foi construída no século XVII pelo padre Camilo de Mendonça e foi dedicada a São Gonçalo do Amarante.

O distrito de Itapissuma foi criado pela lei municipal nº 11, de 30 de novembro de 1892, subordinado ao município de Igarassu. Foi elevado à categoria de município pela lei estadual nº 8952, de 14 de maio de 1982.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 07º47'25" sul e a uma longitude 34º53'32" oeste, estando a uma altitude de 7 metros. [7]

Limites[editar | editar código-fonte]

Noroeste: Goiana Norte: Goiana Nordeste: Goiana
Oeste: Igarassu e Goiana Rosa de los vientos.svg Leste: Ilha de Itamaracá
Sudoeste: Igarassu Sul: Igarassu Sudeste: Ilha de Itamaracá

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

O município de Itapissuma está incluído nos domínios dos Grupos de Bacias Hidrográficas de Pequenos Rios Litorâneos. Seus principais rios são: Botafogo, Arataca, Borras, Tabatinga e das Pacas. O município não possui nenhum açude com capacidade superior a 100.000 m³. [8]

Clima[editar | editar código-fonte]

O município tem o clima tropical, do tipo As´. Os invernos são amenos e úmidos, com o aumento de chuvas. As primaveras são muito quentes e secas, com temperaturas que algumas ocasiões ultrapassam os 30 °C.

Nuvola apps kweather.svg Dados climatológicos para Itapissuma Weather-rain-thunderstorm.svg
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Ano
Temperatura máxima média (°C) 30,9 30,7 30,5 29,7 29 28 27,7 27,8 28,7 29,9 30,4 30,5 29,5
Temperatura média (°C) 26,6 26,5 26,4 25,7 25,2 24,2 23,8 23,8 24,7 25,7 26 26,3 25,4
Temperatura mínima média (°C) 22,3 22,4 22,3 21,8 21,4 20,4 19,9 19,8 20,7 21,5 21,7 22,1 21,4
Precipitação (mm) 87 140 233 253 325 302 285 171 93 45 42 52 2 028
Fonte: Climate-Data.org[9]

Relevo[editar | editar código-fonte]

O município está incluído na unidade geoambiental da Baixada Litorânea. Seu relevo é formado pelas Áreas Arenosas Litorâneas, no qual estão incluídos a restinga, o mangue e as dunas. [10]

Vegetação[editar | editar código-fonte]

A vegetação do município é formada por floresta perenifólia e restinga. As áreas de mangue estão localizadas ao longo do Canal de Santa Cruz, na maior parte da faixa entre o limite ao norte com Goiana e ao sul, com Igarassu. Esse ecossistema tem sofrido danos devido à poluição gerada pelo despejo irregular de lixo e esgoto. [11] [12]

Solo[editar | editar código-fonte]

Em relação aos solos, há ocorrência de Areias Marinhas, que tem como principal característica os solos profundos, excessivamente drenados e de baixa fertilidade natural. Nas áreas posteriores às dunas ocorrem os Podzóis, mediamente drenados e de mal drenados e de muito baixa fertilidade natural. [13]

Geologia[editar | editar código-fonte]

O município está incluído, geologicamente, na Província da Borborema, sendo compostos pelos sedimentos da Formação Beberibe e o Grupo Barreiros e dos Depósitos Flúvio-marinhos e Aluvionares. [14]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Segundo o censo 2013 do IBGE, Itapissuma possui uma população de 25.220 habitantes, distribuídos numa área de 74,235 km², tendo assim, uma densidade demográfica de 320,19 hab/km². [15]

Subdivisões[editar | editar código-fonte]

Distritos[editar | editar código-fonte]

  • Botafogo
  • Mangabeira
  • Engenho Ubu

Bairros[editar | editar código-fonte]

  • Barreiros
  • Boa Vista
  • Cajueiro
  • Camboa
  • Centro
  • Espinheiro
  • Ferro Velho
  • Grêmio
  • Loteamento Nova Itapissuma
  • Loteamento Cidade Criança
  • Poeira
  • São Gonçalo
  • Loteamento Industrial
  • Várzea [16]

Política[editar | editar código-fonte]

O poder executivo do município é exercido por Cal Volia, do PSDB. [17]

Economia[editar | editar código-fonte]

Segundo dados sobre o produto interno bruto dos municípios, divulgado pelo IBGE referente ao ano de 2011, a soma das riquezas produzidos no município é de

1 120 509 milhões de reais (15° maior do estado). Sendo o setor industrial o mais mais representativo na economia itapiçumense, somando 257.317 milhões. Já os setores de serviços e da agricultura representam 158.768 milhões e 9.790 milhões, respectivamente. O PIB per capita do município é de 20.447,26 mil reais (3° maior do estado). [18]

Estrutura[editar | editar código-fonte]

Educação[editar | editar código-fonte]

O município possui as seguinte(s) escola(s) estadual(s):

  • Escola de Referência em Ensino Médio Euridice Cadaval (Integral)
  • Escola Profª Gercina Fernandes Rodrigues
  • Escola Senador José Ermírio de Moraes [19]

Saúde[editar | editar código-fonte]

A cidade conta com dez estabelecimentos de saúde sendo todos públicos. [20]

Transportes[editar | editar código-fonte]

O município é cortado pelas rodovias BR-101, PE-035, PE-045.

Comunicação[editar | editar código-fonte]

O município recebe o sinal de TV do município de Olinda e Recife.

TV[editar | editar código-fonte]

Cultura[editar | editar código-fonte]

Turismo[editar | editar código-fonte]

Itapissuma é cercada por rios, mar e manguezais. Assim, é reconhecida como um dos principais pólos náuticos do Nordeste, além de ser considerada Patrimônio da Humanidade por sua reserva de Mata Atlântica. [21]

Canal de Santa Cruz[editar | editar código-fonte]

Às margens do Canal de Santa Cruz é possível ver toda beleza que reserva a cidade. Em um passeio de barco por seu percurso de 22 Km, é possível avistar a Ilha de Itamaracá e Barra de Catuama, em Goiana. [22]

Pesca artesanal[editar | editar código-fonte]

A pesca artesanal é uma das principais atividades da população, o que barateia os pratos de frutos do mar nos restaurantes e bares de Itapissuma. De agosto a outubro, aconselha-se levar a vara e os anzóis. [23]

Culinária[editar | editar código-fonte]

Se o visitante preferir comprar peixes, caranguejos, ostras, polvos entre outras iguarias ainda crus e frescos, a dica é o Mercado de Crustáceos, um dos maiores da região. Lá também pode-se degustar a famosa caldeirada de Dona Irene e a moqueca seca de peixe manjuba. A caldeira é um cozido de frutos do mar ! [24]


Notas

Erro de citação: O elemento <ref> definido em <references> tem o atributo de grupo "nota", que não aparece no texto anterior.

Referências

  1. http://www.aulete.com.br/itapissumense Dicionário Aulete
  2. a b Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais (19 de julho de 2013). «Divisão Territorial do Brasil». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 4 de dezembro de 2013. 
  3. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010. 
  4. «Estimativa Populacional 2015». População estimada » Comparação entre os municípios: Pernambuco. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). agosto de 2015. Consultado em 11 de dezembro de 2015. 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 09 de setembro de 2013. 
  6. a b «Pernambuco » Itapissuma » Produto Interno Bruto dos municípios - 2013». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. de 2015.  Texto "itapissuma" ignorado (Ajuda); Texto "produto-interno-bruto-dos-municipios-2013 " ignorado (Ajuda)
  7. http://www.geografos.com.br/cidades-pernambuco/itapissuma.php
  8. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/ITAP082.pdf
  9. «CLIMA: ITAPISSUMA». Climate-Data.org. Arquivado desde o original em 9 de janeiro de 2016. Consultado em 9 de janeiro de 2016. 
  10. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/ITAP082.pdf
  11. http://www.cprh.pe.gov.br/ARQUIVOS_ANEXO/zoneamentosantacruz;2243;20120906.pdf
  12. http://www.prac.ufpb.br/anais/Icbeu_anais/anais/meioambiente/manguezais.pdf
  13. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/ITAP082.pdf
  14. http://www.cprm.gov.br/rehi/atlas/pernambuco/relatorios/ITAP082.pdf
  15. http://www.cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?lang=&codmun=260775&search=pernambuco%7Citapissuma
  16. http://www.telelistas.net/pe/itapissuma
  17. http://www.cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?lang=&codmun=260775&search=pernambuco%7Citapissuma
  18. http://www.cidades.ibge.gov.br/xtras/temas.php?lang=&codmun=260775&idtema=125&search=pernambuco%7Citapissuma%7Cproduto-interno-bruto-dos-municipios-2011
  19. http://www.educacao.pe.gov.br/portal/upload/galeria/4324/rel_escolas_gre_metronorte.pdf
  20. http://www.uniregistro.com.br/cidades-do-brasil/pernambuco/itapissuma/
  21. http://www.ferias.tur.br/informacoes/5296/itapissuma-pe.html
  22. http://www.ferias.tur.br/informacoes/5296/itapissuma-pe.html
  23. http://www.ferias.tur.br/informacoes/5296/itapissuma-pe.html
  24. http://www.ferias.tur.br/informacoes/5296/itapissuma-pe.html

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Pernambuco é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.