Ivan Frota

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ivan Moacyr da frotaCombatente Militar
Nascimento 16 de agosto de 1930 (89 anos)
Fortaleza,  Brasil
Ocupação Candidato à Presidência da República em 1998
Serviço militar
Serviço Força Aérea Brasileira
País  Brasil
Patente Tenente-brigadeiro-do-ar

Ivan Moacyr da Frota (Fortaleza, 16 de agosto de 1930) é um militar brasileiro (Oficial-General reformado da Aeronáutica) que foi candidato a presidente da República na eleição presidencial de 1998[1].

Foi um dos primeiros pilotos a operarem o AT-26 Xavante da FAB – Força Aérea Brasileira.

Participação política[editar | editar código-fonte]

Nas eleições de 1994, foi candidato a deputado federal pelo PSD no estado do Rio de Janeiro, mas não conseguiu se eleger. Em 1998, foi candidato à presidência da República pelo PMN (aos 68 anos, era o segundo presidenciável mais velho). Durante sua campanha, fez críticas a Fernando Henrique Cardoso (PSDB), chegando inclusive a defender o impeachment do então presidente, que disputava a reeleição. O Brigadeiro ficou em 5º lugar, com 251.337 votos (0,37% do total).

Concorreu novamente ao cargo de deputado federal em 2002, agora pelo PTB do Rio Grande do Norte, sem sucesso (26º lugar, com 4.920 votos, ou 0,33% do total). Após esta eleição, Ivan Frota encerra sua carreira política.

Críticas ao governo Lula[editar | editar código-fonte]

Em 2006, Ivan Frota divulgou uma nota classificando o governo de Luiz Inácio Lula da Silva e o PT de "verdadeira gangue" e "maior quadrilha de malfeitores graduados"[2], chamando também a gestão de "entreguista" no artigo.

Referências

  1. «Brigadeiro Ivan Frota». Poder 360. Consultado em 28 de dezembro de 2019 
  2. «Brigadeiro da Aeronáutica chama PT de 'gangue' em nota». G1. Consultado em 27 de outubro de 2006 
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.