Iziaslau I de Kiev

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.
Iziaslau I de Quieve
Príncipe de Turóvia, Grão-Príncipe de Quieve, e Rei dos Rus'.
Representação de Iziaslau I de Quieve
Nascimento 1024
Morte 3 de outubro de 1078 (54 anos)


Iziaslau I de Quieve (1024 - 3 de outubro de 1078) príncipe de Turóvia (cnezo), grão-príncipe de Quieve (grão-cnezo) a partir de 1054, Rei da Rus desde 1075.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Os seus filhos Jaropolco e Esviatopolco II viriam a governar o Principado de Turóvia que foi muito cobiçado por Rostislau de Presmília. Iziaslau era o filho mais velho de Jaroslau I, o Sábio grão-duque de Quieve e de Ingegerda da Suécia, filha do rei Olavo, o Tesoureiro e de Astride dos Obotritas. Iziaslau sucedeu a seu pai, e foi tido como uma pessoa culta, tendo sido um dos autores do "Pravda Yaroslavichiv" - uma parte do primeiro código legal de Rus, chamado Ruska Pravda. Foi também quem procedeu á fundação do Monastério de Kiev-Petchersk, e quem cedeu toda a terra próxima, bem como as colinas onde o mosteiro seria construído aos monges cristão ortodoxos de Quieve. Como resultado de uma revolta popular ocorrida em 1068, Iziaslau foi deposto e fugiu à Polónia. Em 1069, retomou Quieve com a ajuda do exército polaco, no entanto, foi derrubado de novo por seus irmãos em 1073.

Relações familiares[editar | editar código-fonte]

Foi o filho de Jaroslau I, o Sábio[1], "o Sábio" grão-duque de Quieve e de Ingegerda da Suécia, filha do rei Olavo, o Tesoureiro[2] e de Estrida. Casou com Gertrudes da Polónia (c. 1025 - 4 de janeiro de 1108), filha de Miecislau II da Polónia[3][4]. (990 - 1034) e de Riquilda da Lotaríngia, de quem teve:

  1. Mistislau de Quieve (? -1069), que foi príncipe de Novgorod entre 1054 e 1067), tendo perdido o principado a favor de Useslau da Polócia, filho de Rostislau que morreu em 1093.
  2. Eupráxia de Quieve, que foi casada com Miecislau da Cracóvia, filho de Boleslau II da Polónia em 1088.
  3. Esviatopolco II (c. 1050 - 16 de abril de 1113), casou por duas vezes, a primeira com a filha de Espitigneu II da Boémia e a segunda com uma princesa cumana chamada Olena.
  4. Jaropolco (? - 1087)[5]

Referências

  1. Dicionário da Idade Média, Autor: Loyn, H; Editora: Jorge Zahar
  2. MELIN, Jan; JOHANSSON, Alf; HEDENBORG, Susanna (2006). «Järnåldern». Sveriges historia (em sueco). Estocolmo: Prisma. 38 páginas. ISBN ISBN 91-518-4666-7 Verifique |isbn= (ajuda) 
  3. Encyklopedia Powszechna PWN Warsaw 1975 vol. III p. 505
  4. Encyclopedia Britannica: Piast Dynasty (em inglês)
  5. Biblioteca do Congresso dos EUA: Iaropolk Iziaslavich.