Izzat Ibrahim al-Douri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Izzat Ibrahim al-Douri
عزت ابراهيم الدوري
Ibrahim al-Douri em 1996.
Flag of Iraq (1991–2004).svg Secretário-geral do Partido Baathista Iraquiano
Período 3 de janeiro de 2007 — presente
Vice-Secretário do Comando Regional do Partido Baath Iraquiano
Período Setembro de 1991 – Janeiro de 2007
Vice-presidente do Comando do Conselho Revolucionário
Período 16 de julho de 1979 – 9 de abril de 2003
Dados pessoais
Nascimento 1 de julho de 1942
Ad-Dawr, Saladino
Reino do Iraque
Nacionalidade Iraquiano
Partido Partido Baathista Iraquiano
Religião Islã sunita
Serviço militar
Lealdade Flag of Iraq (1991–2004).svg Iraque Baathista
Serviço/ramo Exército iraquiano
Anos de serviço 1962-2003
Unidade Diretório de Orientação Política
Comandos 2ª Divisão de Infantaria (1977-1981)
Batalhas/guerras Guerra Irã-Iraque

Guerra do Golfo

Revoltas no Iraque de 1991
Invasão do Iraque em 2003
Guerra do Iraque

Izzat Ibrahim al-Douri (em árabe: عزت ابراهيم الدوري ‘Izzat Ibrāhīm ad-Dūrī; 1 de julho de 1942) foi um general e político iraquiano. Ele foi o vice comandante do Conselho Revolucionário Iraquiano de 1979 a 2003 e um proeminente líder militar do exército do Iraque Baathista. Ele foi um dos principais comandantes de Saddam Hussein e era parte do seu círculo íntimo de amizade que governava o país com ele.[1][2]

Al-Douri foi um dos principais líderes do movimento baathista iraquiano até a invasão anglo-americana do Iraque em 2003. Como um dos cabeças do regime de Saddam Hussein, ele foi um dos homens mais caçados do país. Ele passou então a liderar combatentes leais ao antigo governo e outros grupos sunitas contra a ocupação estrangeira do país (encabeçada pelos Estados Unidos) e posteriormente contra a República que foi imposta na nação na era pós-Saddam. Ele se auto-proclamava como o "Xeique escondido dos Homens de Naqshbandi."[3] Com a execução de Saddam Hussein, em 30 de dezembro de 2006, al-Douri se tornou oficialmente líder do banido Partido Baathista Iraquiano (confirmado em 3 de janeiro de 2007).[4]

Em 2011, após a retirada das tropas dos Estados Unidos, Ibrahim al-Douri tentou orquestrar uma resistência mais eficiente contra o novo governo iraquiano pró-ocidente, mas ele não foi bem sucedido. Contudo, em 2014, um grupo sunita auto-proclamado Estado Islâmico do Iraque e do Levante (ad-Dawlat al-Islāmiyah ou EIIL) iniciou uma bem sucedida ofensiva contra o norte do Iraque, conquistando boa parte da região. al-Douri ordenou que seus homens apoiassem os rebeldes do EIIL, mas nem todos obedeceram com muitos pegando em armas contra os islamitas. O próprio al-Douri teria mais tarde mudado de opinião.[5][6]

Em meados de 2015, foi reportado que al-Douri estava na região de Saladino com outros simpatizantes baathistas. Então, em 17 de abril de 2015, Izzat Ibrahim al-Douri foi morto (junto com 9 guarda-costas) durante uma operação militar lançada por milícias xiitas e soldados do exército iraquiano, no leste da cidade de Ticrite.[7][8][9] A organização xiita Asaib ahl al-Haq afirmou ter sido a responsável por sua morte e disse que seu corpo foi transportado para Bagdá.[10] Sua morte teria sido um duro golpe para a facção baathista da resistência sunita.[11] Os simpatizantes de Saddam, contudo, negaram sua morte.[12]

Referências

  1. «Saddam's No. 2 seeks help for insurgency». USA Today. 27 de março de 2006 
  2. «Izzat Ibrahim Al-Douri / Izzat Ibrahim Al-Douri». Global Security. Consultado em 18 de abril de 2015. 
  3. Knights, Michael. «Saddam Hussein's Faithful Friend, the King of Clubs, Might Be the Key to Saving Iraq». New Republic. Consultado em 29 de junho de 2014. 
  4. "Saddam aide is new Ba'ath leader", BBC News, 3 de janeiro de 2007.
  5. "Iraq Crisis: Saddam Hussein's Generals Fighting with Jihadist ISIS Insurgency". Página acessada em 17 de abril de 2015.
  6. "Baath in Iraq declares war on ISIS". Página acessada em 17 de abril de 2015.
  7. «Top Saddam aide Izzat al-Douri reportedly killed». IBTimes. 17 de abril de 2015 
  8. "Izzat al-Duri morto em uma operação militar em Bhmaren, leste de Tikrit". Página acessada em 17 de abril de 2015.
  9. "Saddam aide Izzat Ibrahim al-Douri 'killed' in Iraq". Página acessada em 17 de abril de 2015.
  10. "'Número dois' de Saddam Hussein é morto em operação no Iraque". Página acessada em 17 de abril de 2015.
  11. «Saddam Hussein's former top aide killed in Iraq military operation». foxnews.com. Consultado em 18 de abril de 2015. 
  12. "Saddam aide Izzat Ibrahim al-Douri 'killed' in Iraq". Página acessada em 19 de abril de 2015.