Jörg Michael

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jörg Michael
Jörg Michael no festival Ilosaarirock 2009
Informação geral
Também conhecido(a) como Gordon Perkins
Nascimento 27 de março de 1963 (52 anos)
Origem Dortmund
País Alemanha
Gênero(s) Power metal, heavy metal
Instrumento(s) bateria
Período em atividade 1983 - presente
Afiliação(ões) Rage, Axel Rudi Pell, Grave Digger, Running Wild, Tom Angelripper, Stratovarius, Saxon
Página oficial http://www.jorgmichael.com/

Jörg Michael (27 de março de 1963, Dortmund) é um baterista alemão de heavy metal. É mais conhecido pelo seu trabalho na banda finlandesa Stratovarius, à qual ele se juntou em 1995 e deixou em 2012[1] . Além do Stratovarius, ele tocou em uma grande variedade de bandas, em sua maioria de Power Metal.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Jörg começou a tocar bateria relativamente tarde, aos 15 anos. Um professor ouviu-o e encorajou-o a continuar.

Em 1983, com a banda de heavy metal Avenger, agora Rage, Jorg fez os seus primeiros álbuns: Prayers of Steel, Reign of Fear e Execution Guaranteed. Também nesta altura, participou nos álbuns das bandas The Raymen, 100 names e Der Riss.

Nos finais de 1980 atravessou uma fase de rock mais melódico: participou nos álbuns das bandas Paganini, Laos, Running Wild, sendo que se manteve nesta última banda até 1997.

Na década de 90 Axel Rudi Pell pediu a Jorg que tocasse bateria nos seus álbuns a solo, dando ao baterista a oportunidade de trabalhar com Jeff Scott Soto, Rob Rock e Charlie Huhn.

Entre 1993 e 1994 fez parte da banda Grave Digger. No ano seguinte juntou-se à banda Stratovarius.

Nos últimos tempos, Jorg foi contratado pela banda Beto Vázquez Infinity, em conjunto com Tarja Turunen (ex-Nightwish), Candice Night (Blackmore's Night.) e Liv Kristine.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Referências