Júlio Guerra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Júlio Guerra
Nascimento 20 de janeiro de 1912
São Paulo
Morte 21 de janeiro de 2001
Cidadania Brasil
Ocupação escultor,
Mãe Preta (Largo do Paiçandu, São Paulo(SP), Brasil)

Júlio Guerra (Santo Amaro, 20 de janeiro de 1912 — São Paulo, 21 de janeiro de 2001) foi um escultor brasileiro.

Nasceu no então município paulista de Santo Amaro (atualmente, um distrito da cidade São Paulo), e começou a estudar na Escola de Belas Artes de São Paulo em 1930.

Júlio Guerra é autor de alguns monumentos que viraram referência em espaços públicos da cidade de São Paulo, como na Avenida Santo Amaro (Estátua do Borba Gato)[1] e Avenida Adolfo Pinheiro (Mural do Teatro Paulo Eiró), além da Mãe Preta, que fica no Largo do Paissandu. Além disso, existem obras fora do circuito cultural do bairro e em lugares mais afastados das principais ruas da capital paulista, como a escultura sobre um dos túmulos da família Schimidt, no Cemitério de Santo Amaro, mostrando Jesus Cristo deitado afagado por Maria.

Referências

  1. «Monumento de Borba Gato - São Paulo Antiga». São Paulo Antiga. 27 de janeiro de 2013. Consultado em 24 de julho de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre um escultor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.