JB FM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde agosto de 2010). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
JB FM
{{{alt}}}
Rádio Monte da Gávea Ltda.
País  Brasil
Frequência(s) FM 99.9 MHz
Antigas frequências:
FM 99.7 MHz (1973-2012)
Sede Bandeira da cidade do Rio de Janeiro.svg Rio de Janeiro, RJ
Edifício Gustavo José de Mattos, 2º andar - Avenida Rio Branco, 147 - Centro
Slogan Música e informação
Fundação 1973 (45 anos)
Fundador Maurina Pereira Carneiro
Pertence a Sistema Rio de Janeiro de Rádio
Proprietário(s) José Antônio do Nascimento Brito
Antigo(s) proprietário(s) Maurina Pereira Carneiro (1973-1983)
Nascimento Brito (1983-2002)
Formato Comercial
Gênero Entretenimento e Música
Faixa etária Público de 30 a 75 anos
Idioma (português brasileiro)
Prefixo ZYD 460
Emissoras irmãs
Cobertura Grande Rio de Janeiro e áreas próximas
Coord. do transmissor 22° 57' S 43° 13' 48.8" O
Potência 18 kW
Classe E1
RDS Sim
Webcast Ouça ao vivo
Aplicativo móvel iTunes Store: [1]
Google Play: [2]
Página oficial jb.fm

JB FM é uma emissora de rádio brasileira sediada no Rio de Janeiro, capital do estado homônimo. Opera no dial FM, na frequência 99.9 MHz. Pertencente ao Sistema Rio de Janeiro de Rádio, sua programação é voltada para o gênero adult contemporary, além de programas jornalísticos, mantendo o legado da extinta co-irmã Rádio Jornal do Brasil. Seus estúdios estão no Edifício Gustavo José de Mattos, juntamente com a Rio FM e a Rádio Cidade no Centro, e seus transmissores estão no alto do Morro do Sumaré, no Rio Comprido.

História[editar | editar código-fonte]

A rádio foi criada em 1973 como uma rádio de música erudita. A partir da década de 1980 passou a ser uma rádio de gênero adulto, tocando lançamentos da MPB e de músicas internacionais de sucesso.

Em 2001, com o aumento da concorrência entre as emissoras no segmento adulto contemporâneo, a JB FM com programação musical de Gilson Dodde, optou por uma programação mesclando jornalismo e hits populares internacionais e nacionais. Apesar da similaridade musical com o extinto programa da 98 FM, o Good Times, a JB consolidou sua audiência no segmento adulto fluminense.

Como estratégia de relacionamento ouvinte/emissora, a JB FM promove todo ano a Festa De Aniversário JB FM recebendo artistas nacionais e internacionais, como foi o caso de Gloria Gaynor no ano de 2007.

A JB FM foi a primeira emissora de rádio fluminense a utilizar um helicóptero na cobertura do trânsito no Rio de Janeiro, o que faz desse serviço o grande atrativo do programa informativo Painel JB, que vai ao ar de segunda a sexta-feira em duas edições, às 7h e às 17h.

Em 2009, a ANATEL anunciou um reordenamento de frequências para o dial FM da cidade do Rio de Janeiro, que afetaram a Rádio Melodia (migrou de 97.3 para 97.5), Rádio Globo (89.3 para 89.5) e Rádio MEC (98.9 para 99.3). A JB FM também teve que trocar de frequência, saindo dos 99.7 para os 99.9, a partir de 20 de janeiro de 2012.[1]

Equipe[editar | editar código-fonte]

Locutores[editar | editar código-fonte]

  • Alexandre Tavares
  • Christian Ferraz
  • Fabiano Mello
  • Fernando Mansur
  • Iseumar Pereira
  • Jayne Mello
  • José Milson Fabiano
  • Robson França

Colunistas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Starck, Daniel (12 de janeiro de 2012). «Exclusivo: JB FM muda de frequência no dia 20 de janeiro». TudoRádio.com. Consultado em 9 de abril de 2018. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.