Jacques Mayol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Jacques Mayol
Nome nativo Jacques Mayol
Nascimento 1º de abril de 1927
Xangai
Morte 22 de dezembro de 2001
Capoliveri
Cidadania França
Ocupação freediver, roteirista
Causa da morte suicídio por enforcamento
Página oficial
http://www.thejacquesmayol.com/JacquesMayol.htm

Jacques Mayol (Xangai, 1 de abril de 1927Ilha de Elba, 22 de dezembro de 2001) foi um mergulhador francês praticante de mergulho em apneia.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 1976, ele foi o primeiro homem a alcançar os 100 metros de profundidade.

Um homem misterioso para muitos, Mayol era conhecido como "homem-golfinho" e foi estudado por muitos cientistas interessados na fisiologia humana sob a água.

Sua paixão sempre foi o mar e ele foi o primeiro homem a descer, em um só fôlego, a menos 60 metros, em 1966, e a menos 100 metros, em 1976, e a menos 105 metros, em 1985, quando bateu seu último recorde, ironicamente na ilha de Elba.

Imensidão Azul[editar | editar código-fonte]

Uma espécie de semi-biografia sua foi mostrada no filme Imensidão Azul (Le Grand Bleu), dirigido por Luc Besson e lançado em 1988, filme que ele também ajudou a fazer, como coordenador técnico das filmagens subaquáticas.

Morte[editar | editar código-fonte]

O lendário mergulhador-livre foi encontrado morto por uma vizinha, em sua casa, na ilha de Elba, na Itália. Tinha 74 anos, sofria de depressão e vinha procurando ajuda com especialistas, fato este comprovado por Umberto Pelizzari, que esteve com Mayol em sua casa há dois meses antes de sua morte. Presume-se que o grande apneísta tenha cometido suicídio, enforcando-se. No local foi encontrado um bilhete onde Mayol expressou seu desejo de ser cremado.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.