James Bryant Conant

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
James Bryant Conant
James Conant em 1948
Nascimento 26 de março de 1893
Dorchester (Massachusetts)
Morte 11 de fevereiro de 1978 (84 anos)
Hanover (Nova Hampshire)
Nacionalidade  Estados Unidos
Prêmios Medalha Priestley (1944)
Campo(s) Professor, cientista, militar, diplomata

James Bryant Conant (Dorchester, 26 de março de 1893Hanover, 11 de fevereiro de 1978) foi um químico, administrador escolar e funcionário público norte-americano.

Foi professor de química na Universidade Harvard, com o cargo de auxiliar em 1919 e o de associado em 1924,[1] sendo um prolífico autor científico. Como presidente da Universidade Harvard (de 1933 a 1953) promoveu reformas que conduziram esse centro educativo a um nível de excelência na investigação científica. A American Chemical Society concedeu-lhe a sua mais alta distinção, a medalha Priestley, em 1944. Entre 1941 e 1946, foi ainda presidente do National Defense Research Committee. cargo com o qual desempenhou um papel fundamental, em conjunto com o seu amigo Vannevar Bush, nos trabalhos do projeto Manhattan.

Após a Segunda Guerra Mundial foi conselheiro da National Science Foundation e da Comissão de Energia Atômica dos Estados Unidos. Foi comissário da Zona de Ocupação Americana e embaixador dos Estados Unidos na Alemanha Ocidental, de 1953 a 1957.

Conant foi promotor ativo da História da Ciência, criando em Harvard as "Harvard Case Histories in Experimental Science" e incluindo a História das Ciências no tronco comum dos programas universitários.

Referências


Precedido por
Thomas Midgley
Medalha Priestley
1944
Sucedido por
Ian Heilbron