James McDivitt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
James McDivitt
Nome completo James Alton McDivitt
Nascimento 10 de junho de 1929 (91 anos)
Chicago, Illinois,
Estados Unidos
Progenitores Mãe: Margaret Maxwell
Pai: James McDivitt, Sr.
Cônjuge Patricia Ann Haas
Filho(s)
  • Michael
  • Ann
  • Patrick
  • Kathleen
Alma mater Universidade de Michigan
Ocupação
Serviço militar
Serviço Força Aérea dos
Estados Unidos
Anos de serviço 1951–1972
Patente General de brigada
Conflitos Guerra da Coreia
Condecorações Medalha de Serviço Distinto da Força Aérea (2)
Cruz de Voo Distinto (5)
Medalha do Ar (4)
Carreira espacial
Astronauta da NASA
Tempo no espaço 14 dias, 2 horas, 56 minutos
Seleção Grupo 2 da NASA 1962
Missões
Aposentadoria junho de 1972
Prêmios Medalha de Serviço
Distinto da NASA
(2)
Medalha de Serviço Excepcional da NASA

James Alton McDivitt (Chicago, 10 de junho de 1929) é um ex-astronauta norte-americano, comandante de missões dos programas espaciais Gemini e Apollo.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Após participar de mais de uma centena de missões de combate como piloto de caça na Guerra da Coreia, nos anos 1950, McDivitt juntou-se à NASA em 1962, como parte do grupo de astronautas da segunda equipe montada pela agência espacial. Em junho de 1965 comandou a missão Gemini IV, que completou quatro dias e 66 voltas em órbita da Terra, fez várias experiências na falta de gravidade e realizou a primeira caminhada espacial por um astronauta americano – o colega de missão Edward White – sendo o primeiro do seu grupo de astronautas a comandar a própria missão. Uma das atividades programadas par este voo, a acoplagem com o primeiro estágio de um foguete Titan lançado anteriormente, foi mal sucedida.[1]

Em 1969 foi o comandante da missão Apollo 9, a primeira a ir ao espaço com um módulo lunar acoplado, que realizou diversos testes de funcionamento na órbita terrestre. Dois meses depois, McDivitt assumiu o cargo de gerente de operações de pouso lunar, liderando a equipe que planejou o programa de exploração lunar, e redesenhou a nave para que ela pudesse realizar a missão.[1]

Retirou-se da NASA e da Força Aérea em 1972, passando a trabalhar em altos cargos executivos de empresas privadas, sendo vice-presidente executivo da empresa Rockwell International entre 1981 e 1995. Desde 2009 serve como consultor da Applied Energetics Inc.[2]

Referências

  1. a b «Bio» (PDF). NASA. Consultado em 22 maio 2019 
  2. «James A. McDivitt». Bloomberg. Consultado em 22 maio 2019