James Petras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
James Petras
Nascimento 17 de janeiro de 1937 (82 anos)
Boston
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade da Califórnia em Berkeley
Ocupação sociólogo, professor universitário, escritor
Empregador Universidade de Binghamton

James Petras é professor emérito de Sociologia da Universidade de Binghamton, em Binghamton, Nova York, e professor adjunto da Universidade de Saint Mary, Halifax, Nova Escócia, Canadá. Autor prolífico, publicou vários trabalhos sobre questões políticas da América Latina e Oriente Médio[1]. Ele há muito apóia os revolucionários das FARC na Colômbia[2][3] e vem apoiando o Movimento dos Sem Terra no Brasil[4][5]

Referências

  1. «Lista de professores da Binghamton University» 
  2. James Petras (6 de junho de 2013). «Washington and the Breakdown of the Colombia-Venezuela-FARC Peace Process». James Petras. Consultado em jan 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. Joan Marie Malerich (14 de julho de 2008). «Response to James Petras' Critique: "Fidel Castro and the FARC. Eight Mistaken Theses of Fidel Castro"». Dandelion Salad. Consultado em Jan 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. Paula Reis Melo (1982). «25 Anos do MST: Um Breve Histórico de sua Visibilidade Midiática» (PDF). Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Consultado em jan 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. «James Petras: O Brasil e a política do neoliberalismo - Presidente Rousseff declara guerra à classe trabalhadora». 14/Dezembro/2014. Consultado em jan 2015. Arquivado do original em 4 de março de 2016  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
Ícone de esboço Este artigo sobre sociologia ou um sociólogo é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.