Jardim Botânico de Brasília

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Centro de Excelência do Cerrado (Cerratenses), destinado a pesquisas, exposições itinerantes e projetos ambientais (Elza Fiúza/Agência Brasil)

O Jardim Botânico de Brasília foi fundado no dia 8 de março de 1985, apesar de sua área já está em parte delimitada desde a construção da cidade. Foi o primeiro Jardim Botânico do Brasil com um ecossistema predominante de cerrado.

Possui uma área de cerca de 5.000 hectares, dos quais 526 hectares[1] são abertos à visitação, com plantas nativas e exóticas devidamente identificadas, além de uma trilha ecológica com 4.500 metros. Nesta área há diversas atrações, como:

  • Jardim em movimento
  • Cerratenses
  • Área de piquenique
  • Biblioteca da natureza
  • Museu de história natural
  • Centro de visitantes
  • Casa de chá
  • Espaço Guido Pabst, com coleção de orquídeas nativas e exóticas
  • Bosque Kyoto
  • Bosque dos Ipês
  • Anfiteatro

Outros 4.429,63 hectares[2] são ocupados pela Estação Ecológica Jardim Botânico de Brasília (EEJBB), administrada pelo Jardim Botânico.

Referências

  1. «Visitação pública do Jardim Botânico de Brasília». Consultado em 14 de novembro de 2008. Arquivado do original em 4 de outubro de 2008 
  2. «Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Distrito Federal – Brasília Ambiental». Consultado em 14 de novembro de 2008. Arquivado do original em 29 de dezembro de 2008 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]