Jardim Piatã

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada.
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde novembro de 2008). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde Novembro de 2008). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Jardim Piatã um bairro de Mogi das Cruzes[1], próximo da periferia de Itaquaquecetuba, região metropolitana de São Paulo.

No Jardim Piatã moram aproximadamente 11 mil pessoas, cuja maioria trabalha em São Paulo, Itaquaquecetuba ou na própria cidade[carece de fontes?]. Fica próximo à Serra do Itapeti.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Os primeiros moradores chegaram à região em 1960; eram trabalhadores contratados pelo dono da terra na época. Na década de 1950, o bairro só possuía duas saídas: ou era pelo estreito caminho para o bairro de São José (Suzano), ou pela estrada de ferro que corta o bairro, atualmente pertencente à MRS Logística.

Educação[editar | editar código-fonte]

O bairro possui uma escola municipal de Ensino Fundamental, chamada EMEF Professora Cleonice Feliciano. Como o bairro não possui escolas estaduais, grande número de alunos percorre longas distâncias para estudar em outros bairros ou na cidade vizinha, Itaquaquecetuba.

Transporte coletivo[editar | editar código-fonte]

O bairro é servido por linhas de ônibus para Itaquaquecetuba — o que representa mais de 60 % do interesse da população local[carece de fontes?], pois é caminho para São Paulo — e para outros bairros.

  1. a b G1 (15 de junho de 2015). «Filhote de gato-do-mato é resgatado de incêndio em Mogi das Cruzes». Consultado em 9 de maio de 2018