Jati

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Jati (desambiguação).
Jati
  Município do Brasil  
Entrada da cidade.
Entrada da cidade.
Hino
Gentílico Não disponível
Localização
Jati está localizado em: Brasil
Jati
Localização de Jati no Brasil
Mapa de Jati
Coordenadas 7° 41' 09" S 39° 0' 57" O
País Brasil
Unidade federativa Ceará
Municípios limítrofes Norte: Brejo Santo e Porteiras;
Sul: Penaforte e São José do Belmonte (PE);
Leste: Brejo Santo;
Oeste: Jardim.
Distância até a capital 525 km[1]
Administração
Prefeito(a) Mônica Rosany Pereira Mariano (PSD, 2021 – 2024)
Características geográficas
Área total [2] 312,584 km²
População total (IBGE/2010[3]) 7 649 hab.
Densidade 24,5 hab./km²
Clima Tropical Semiárido brando
Altitude 435 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [4]) 0,653 médio
PIB (IBGE/2008[5]) R$ 25 913,182 mil
PIB per capita (IBGE/2008[5]) R$ 3 454,63
Sítio jati.ce.gov.br (Prefeitura)

Jati é um município brasileiro do estado do Ceará. Seu nome está relacionado a uma espécie de abelha, também conhecida por jataí.

História[editar | editar código-fonte]

No início do século XIX a região era habitada por poucas construções bastante dispersas. Muitos dos moradores, eram descendentes da Etnia Kariri, mas também habitada por viajantes, em sua maioria, de Brejo Santo, Salgueiro e São José do Belmonte, que iam em direção a Crato e Jardim, cidades importantes à época. Registros apontam que a família Cunha foi a primeira família a se instalar definitivamente no local. Em meados do século XX a vila, até então sem nome, recebe o nome de Macapá, distrito de Jardim. Porém, era muito confundido o endereçamento de correios da vila cearense, com Macapá, capital do Amapá. Então o nome muda para Jati, em homenagem a espécie de abelha conhecida como Jataí, bastante comum na região. Em 22 de novembro de 1951, o distrito de Jati, consegue sua emancipação, sendo seu primeiro prefeito foi José Barreto Couto. Daí para frente, a cidade teve um pequeno surto de crescimento populacional, nascendo comércios e casas. Em 2020 a cidade passou a abrigar a Barragem de Jati, estrutura feita para conter a água da Transposição do São Francisco, funcionando como uma espécie de "caixa d'água gigante" por estar em local estratégico. Distribui água para o Cinturão das Águas, Açude do Atalho e para o Eixo Norte, que vai para o Estado da Paraíba.

A cidade é pertubada em 21 de agosto de 2020, por um rompimento de uma das comportas da barragem. Apesar de ter sido apenas um susto, houve evacuação em massa da cidade. Com moradores se refugiando em escolas e outras cidades, mas com a normalização e concerto da barragem, os habitantes retornaram à suas residências. É famosa por as festas de Senhora Sant'ana, ocorrida do mês de junho, de 7 de setembro, ocorrida no mesmo dia, e do Dia do Município, ocorrida em novembro.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2007 era de 7270 habitantes.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Distâncias entre Fortaleza e cidades do interior do estado do Ceará». Consultado em 26 de dezembro de 2012 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Ceará é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.