Saltar para o conteúdo

Jazz (romance)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Jazz
Autor(es) Toni Morrison
Lançamento 1992
ISBN 0-679-41167-4

Jazz é um romance histórico publicado em 1992 da autoria da escritora estadunidense Toni Morrison, vencedora do Prémio Nobel e do Prémio Pulitzer. A maior parte da narrativa do romance se passa no bairro Harlem, na cidade de Nova-ioque, nos Estados Unidos, durante a década de 1920. No entanto, à medida que o passado de vários personagens é explorado, a narrativa se estende até o sul dos Estados Unidos em meados do século XIX.

O romance forma a segunda parte da trilogia dantesca de Morrison sobre a história afro-americana, começando com Amada (1987) e terminando com Paraíso (1997).

Legado[editar | editar código-fonte]

Jazz foi a obra publicada mais recentemente por Morrison, quando ela recebeu o Prêmio Nobel de Literatura de 1993. No romance, "Morrison usa um dispositivo que é semelhante à forma como o próprio jazz é tocado... O resultado é uma imagem ricamente complexa e sensualmente transmitida dos eventos, personagens e humores".[1]

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Joe Trace, um vendedor porta em porta de cosméticos e o assassino de sua jovem amante.
  • Violet Trace, uma esteticista sem licença. Violet é casada com Joe. Ela é apelidada de "Violenta" porque atacou o cadáver da amante de Joe com uma faca no funeral.
  • Dorcas, a jovem amante de Joe, que é baleada em uma festa. Dorcas é inspirada em uma imagem do O Livro dos Mortos de Harlem (uma coleção de fotografias fúnebres de James Van Der Zee).
  • Alice Manfred, tia e guardiã de Dorcas. Uma cristã conservadora envergonhada pelo comportamento de sua sobrinha. Alice inicia uma amizade incomum com Violet.
  • Felice, uma amiga de Dorcas que vai à casa dos Trace em busca de respostas.
  • Golden Grey, um homem mestiço do século XIX. Golden aparece nas histórias de Joe e Violet.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. "Toni Morrison", The Nobel Prize, Press release, October 7, 1993.