Jean Bosler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Jean Bosler
Nascimento Jean Bosler
24 de março de 1878
Angers
Morte 25 de setembro de 1973 (95 anos)
Marselha
Nacionalidade Francês
Cidadania França
Alma mater
Ocupação astrônomo
Prêmios Prêmio Jules Janssen (1911), Prêmio Lalande (1913)
Campo(s) Astronomia

Jean Bosler (Angers, 24 de março de 1878Marselha, 25 de setembro de 1973) foi um astrônomo francês.[1]

Recrutado por Henri-Alexandre Deslandres como astrônomo do Observatório de Paris, Bosler descobriu em 1908 no espectro do Cometa Morehouse as linhas espectrais do nitrogênio ionizado, a primeira evidência deste elemento nos cometas.

Bosler recebeu o Prêmio Jules Janssen de 1911 e o Prêmio Lalande de 1913.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Les théories modernes du soleil (1910)
  • L’évolution des étoiles (1923)
  • Cours d’astronomie (1928)

Referências

  1. Fehrenbach, Charles (1975). «Jean Bosler (1878-1973)». L'Astronomie. 89: 220 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]