Jedah

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde Fevereiro de 2008).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.


Jedah Dohma
Informações gerais
Nome no Japão Jeda Dōma (ジェダ・ドーマ)
Série de jogos Darkstalkers
Primeiro jogo Darkstalkers 3 (1997)
Informações pessoais
Sexo Masculino
Espécie Demônio
Terra natal Makai
Habilidade especial Seu sangue é uma arma letal para os inimigos,podendo ferir os mesmos de várias maneiras.Ele gosta de usar suas asas como armas,geralmente como lâminas giratórias,foices ou como escudo para defender ataques inimigos.Jedah também pode absorver almas,podendo assim aumentar seus poderes.Ele também pode passar por entre as dimensões,sentindo as energias de outros seres em uma escala cósmica.

Jedah Dohma (ジェダ・ドーマ, Jeda Dōma?) é um personagem da série de jogos da Capcom Darkstalkers, mais especificamente do jogo Darkstalkers 3. Ele é o vilão principal de Darkstalkers, aparecendo na série como chefe no terceiro jogo. Jedah é um messias escuro com alguns traços emprestados de Grim Reaper. Ele tem uma aparência única dos demais lutadores. Seu cabelo não é mostrado completamente, escondido por uma touca que tem uma aparência de morcego,além de ter unhas longas e retráteis,bem como asas de aparência metálica.

Além de Darkstalkers, Jedah também apareceu nos jogos Capcom Fighting Evolution e Cross Edge.

Sua voz é fornecida por Isshin Chiba, mais conhecido pela voz de Jin Kazama da série Tekken. Chiba reprisa o papel em Capcom Fighting Jam, e a versão japonesa de Cross Edge, enquanto Travis Willingham fornece sua voz na versão em Inglês de Cross Edge.

Em dezembro de 1997 Jedah foi classificado em lugar no "top 50" Gamest lista dos melhores personagens de videogames, empatando com Dan Hibiki, e em janeiro de 1998 foi nomeado o sétimo melhor personagem do ano.

História[editar | editar código-fonte]

Embora tenha mais de 6000 anos, Jedah é o mais novo dos três nobres elevados de Makai. Jedah sempre se aflingiu quanto ao futuro de Makai, a terra dos demônios na mitologia japonesa. Ele acredita que se Makai fosse deixado sob o comando de Belial, o mestre da família Aensland e a verdadeira linhagem de Makai, ele iria envelhecer e começaria a entrar em decadência. Belial disse que isso seria muito provável, pois esta era a ligação entre o "destino e vida".

Para Jedah, Belial não deveria existir. Ele procurava ativamente uma oportunidade de matá-lo, esperando o momento certo da sua investida. Após a morte de Garunan, o mestre da família de Bosital e o mais velho dos três nobres elevados, Jedah tinha um jovem confidente chamado Ozomu. Como nobre, suas habilidades eram de segunda classe, mas sua habilidade de iludir outras pessoas eram de primeira classe. Ele era um gênio em usar os outros.

Ozomu falou com Jedah sobre como usar o Portão de Makai. Jedah, confiante em sua habilidade de absorver almas, concordou com ele. Ele requisitou Ozomu para quebrar uma peça do selo para abrir uma grande parte do portão. Quando Ozomu chegou no portão, viu que um enorme poder existia dentro deste. O poder que emanava do portão era tão destrutivo que poderia desintegrá-lo, até mesmo Jedah, caso ele tentasse absorvê a energia do portão.

Ozomu viu isso como uma oportunidade de subir no poder. Se encontrando com Jedah, ele o engana dizendo que ele deveria destruir todos os selos, pois pouco poder estava saindo do mesmo. Após destruir os selos, Ozomu escapa dos cofins de Makai, e como esperado, Jedah é destruído pelo poder absorvido. A destruição de Jedah significou a ascensão de Ozomu no poder, embora os poderes absorvidos de Jedah fossem maiores que os dele. Ozomu recolheu o resto do poder que ainda estava contido no portão e o armazenou no castelo de Dohma, tornando-se o novo mestre da família Dohma: o imperador Ozomu.

Cem anos mais tarde, depois de um longo sono, Jedah revive em Makai. Ao ver o estado de seu mundo, onde agora os nobres lutam entre si numa guerra de grande derramamento de sangue ele se sente afligido. Mas ao invés de raiva, Jedah sente piedade para com Ozomu, aquele que o havia traído. Agora Jedah tinha em mente executar a ressurreição e a limpeza de todas as almas. Para isto, um novo estágio era necessário. Uma nova dimensão, a Majigen.

Jedah entrou no castelo Dohma e viu Ozomu, acovardado em seu reino. E embora seus poderes ainda não estivessem sido totalmente restaurados, Jedah teve poder suficiente para derrotar Ozomu. Jedah se aproxima dele e sussurra calmamente: "Ozomu…sinto muito, mas por favor me empreste seus poderes. Sua alma se tornaria a base de Majigen, que serviria para ajudar o futuro de Makai."

O castelo de Dohma foi levado para um espaço escuro junto com Ozomu. Era o início da salvação dele. Jedah acreditava que deveria ocorrer uma fusão entre todas as formas de vidas numa única, o Shintai. Para isso, ele invocou todos aqueles com almas dignas de entrar no seu reino recém-criado, e estes eram os Darkstalkers.

Personalidade[editar | editar código-fonte]

Jedah é muito calmo, reflexivo e confiante. Ele tem um grau de arrogância, mas como um todo, está sempre focado e paciente, tudo para alcançar seu objetivo de salvar Makai de um destino visto por Belial. É muito raro ver Jedah expressando emoções, exceto em seus acessos de loucura, mas mesmo estes são subjugados por sua própria atitude calma eventualmente.

Poderes[editar | editar código-fonte]

Sendo um Darkstalker de classe S, Jedah é um dos seres mais fortes do universo Darkstalkers. Seu sangue é uma arma letal para os inimigos, podendo ferir os mesmos de várias maneiras, especialmente espirrando ondas grandes de sangue nos inimigos.Salpicos de seu sangue podem se transformar em lâminas serrilhadas. Além disso, ele também pode bombear seu sangue nos inimigos até que eles explodam de dentro pra fora. Ele pode até decapitar-se ou mutilar qualquer das partes do próprio corpo sem sofrer nenhum efeito para enganar e atacar seus inimigos, podendo regenerar partes de seu corpo a partir dessas feridas. Ele gosta de usar suas asas como armas, usando-as como lâminas giratórias e foices ou usá-las como escudo para ataques. Jedah não usa socos ou chutes, ele confia apenas em suas asas e garras, podemdo estender seus braços e suas garras para perfurar seus inimigos. Jedah também é capaz de absorver as almas dos outros, podendo aumentar seus poderes. É capaz de passar através das dimensões, podendo sentir as energias de outros seres em uma escala cósmica.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Durante seu desenvolvimento, os esboços iniciais de Jedah mostravam seu nome como Belial Jr. Este nome mudou. Então Jedah foi, provavelmente, um inimigo de Belial que adotou Morrigan.
  • Todos os ataques de Jedah são escrito em italiano.
  • Durante o ataque especial de Demitri, Midnight Bliss, Jedah se transforma em uma mulher com longos cabelos loiros. Esta transformação de Jedah também é vista na fase do jogo Pocket Fighter, no estágio Demitri's Moving Castle.
  • Durante o ataque especial de Anakaris, Pharaoh's Curse, Jedah se transforma em um pássaro preto carregando uma foice.