Jerónimo de Sousa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jerónimo de Sousa
Secretário Geral do PCP
Período 27 de Novembro de 2004
a atualidade
Antecessor(a) Carlos Carvalhas
Deputado na Assembleia da República
Período 1976, 1979, 1980, 1983, 1985, 1987, 1991, 2002, 2005, 2009, 2011, 2015
Vida
Nascimento 13 de abril de 1947 (69 anos)
Pirescoxe, Loures
Nacionalidade Portugal português
Dados pessoais
Partido Partido Comunista Português
Profissão operário metalúrgico


Jerónimo Carvalho de Sousa (Loures, Santa Iria de Azoia, Pirescoxe, 13 de Abril de 1947) é um operário metalúrgico e político português do Partido Comunista Português (PCP).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu na aldeia de Pirescoxe, pertencente à Freguesia de Santa Iria de Azoia, Concelho de Loures, onde ainda hoje vive, filho de António de Sousa e de Olímpia Jorge Carvalho,[1].

Jerónimo de Sousa frequentou o antigo Curso Industrial, em Vila Franca, e começou a trabalhar aos 14 anos como afinador de máquinas, na MEC - Fábrica de Aparelhagem Industrial. Foi delegado sindical nessa fábrica, chegando à Direcção do Sindicato dos Metalúrgicos de Lisboa, em 1973.

Aderiu ao Partido Comunista Português em 1974, na sequência da Revolução dos Cravos, e chegou ao Comité Central em 1979.

Foi deputado à Assembleia Constituinte, de 1975 a 1976, e várias vezes eleito para a Assembleia da República, entre 1976 e 1992 e, de novo, em 2002, pelo Círculo de Setúbal.

Em 1996 foi candidato a Presidente da República, tendo desistido a favor do candidato socialista, Jorge Sampaio.

Foi eleito secretário-geral do Partido Comunista Português, no congresso realizado em Almada, a 27 de Novembro de 2004, tendo sido reconduzido no congresso realizado na Praça de Touros do Campo Pequeno, em 30 de novembro de 2008[2].

Referências

Candidaturas presidenciais[editar | editar código-fonte]

Eleições de 1996[editar | editar código-fonte]

(ver Artigo principal)

Candidato votos  %
Jorge Sampaio 3.035.056
54%
Cavaco Silva 2.595.131
46%
Jerónimo de Sousa desistiu --
Alberto Matos desistiu --
Abstenção 2.930.658
34%

Eleições de 2006[editar | editar código-fonte]

(ver Artigo principal)

Candidato votos  %
Cavaco Silva 2.746.689
51%
Manuel Alegre 1.125.077
21%
Mário Soares 778.781
14%
Jerónimo de Sousa 466.507
9%
Francisco Louçã 288.261
5%
Garcia Pereira 23.622
0%
Abstenção 3.303.972
37%

Jerónimo de Sousa foi o único candidato a vencer um distrito a Cavaco Silva, o de Beja, e o segundo candidato a vencer mais concelhos (16), atrás de Cavaco Silva.

Citações[editar | editar código-fonte]

Nós acompanhamos e empenhamo-nos no vasto movimento antiglobalização capitalista, na luta contra o neoliberalismo e a guerra, respeitando e estimulando a sua diversidade. Mas julgamos que a existência e participação de Partidos Comunistas, de Partidos de classe, nesse vasto movimento não é só um bem para estes partidos mas um bem para a esquerda e para as forças progressistas que o integram, na medida em que consideramos que a questão da luta de classes continua a ser a grande questão da nossa época contemporânea.
Jerónimo de Sousa, XVII Congresso do PCP

Notas

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Jerónimo de Sousa
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Jerónimo de Sousa


Precedido por
Carlos Carvalhas
Secretário-Geral do
Partido Comunista Português

2004 -
Sucedido por
'