Jerry Smith

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jerry Smith
Informação geral
Nome completo Rodrigo Silva dos Santos
Também conhecido(a) como jerrynho
Nascimento 12 de janeiro de 1994 (24 anos)
Local de nascimento Salvador, Bahia
Brasil
Origem Brasileira
País Brasil
Gênero(s) Funk paulista
Período em atividade 2012–presente
Gravadora(s) Kondzilla Records
Afiliação(ões) MC Zaac MC Loma
Influência(s) MC K9[1]
Influenciado(s) MC Pedrinho

Rodrigo Silva dos Santos (Salvador, 12 de Janeiro de 1994), conhecido pelo nome artístico Jerry Smith, é um cantor brasileiro de funk paulista. Foi integrante da dupla MC Zaac & Jerry, com MC Zaac, que tornou-se conhecida nacionalmente pelo single "Bumbum Granada".

Carreira[editar | editar código-fonte]

Rodrigo nasceu na Bahia no ano de 1994, mas passou a residir na cidade de São Paulo em sua infância.[1] Após tentativas frustradas de tornar-se jogador profissional de futebol, começou sua carreira como cantor de funk no ano de 2012, ao lado de Isaac Daniel Junior, conhecido como MC Zaac, com quem deu início ao duo MC Zaac & Jerry.[1][2] A música de estreia foi lançada com o título de "Nos Fluxos", mas o sucesso veio com o lançamento do single "Bumbum Granada", no final do ano de 2015, o qual alcançou a primeira posição nacional nas paradas musicais do Spotify e do iTunes no ano de 2016.[3][4] A canção também alcançou registros em paradas musicais do Paraguai, de Portugal, da República Dominicana e da Bolívia.[5] Conhecido pelo refrão "vai taca, taca", a canção foi reproduzida por diversos outros artistas, tendo trechos da mesma incluídos na canção "Malbec", da dupla sertaneja Henrique & Diego.[6]

No entanto, no final do ano de 2016, o grupo se dissolveu, e tanto Zaac como Jerry Smith decidiram seguirar carreiras solo. Jerry Smith então lançou duas músicas de sucesso com a produção e videoclipe de KondZilla, intituladas "Na Onda do Beat" e "Pode Se Soltar", esta última em um subgênero conhecido como "arrocha-funk".[7] Em novembro de 2017, fez a participação na canção "Mulherão da Porra", da dupla sertaneja Munhoz & Mariano.[8]

Singles[editar | editar código-fonte]

Com MC Zaac
Carreira solo
  • "Na Onda do Beat"
  • "Pode Se Soltar"
  • "Opa Opa" (part. MC WM)
  • "Nossa que Absurdo" (part. MC Nando DK)
  • "Troféu do Ano"
  • "Menina Braba"
  • "Não Se Apaixona" (part. MC Loma e as Gêmeas Lacração)
Participações
  • "Mulherão da Porra" (Munhoz & Mariano)
  • "Rabança" (Japa Forró Ideal)
  • "Como é Que Faz?" (Rob Nunes)

Referências

  1. a b c «A carreira do Jerry Smith vai muito além de "Bumbum Granada"». KondZilla. Consultado em 19 de novembro de 2017. 
  2. «Em cartaz: Jerry Smith». Em Cartaz. Consultado em 19 de novembro de 2017. 
  3. «Já ouviu o "taca, taca"? Conheça as vozes por trás do funk "Bumbum Granada"». g1.globo.com. Consultado em 25 de junho de 2016. 
  4. «Donos do 'Bumbum granada', Zaac e Jerry dizem que hit não é machista e recebem convites para o exterior». extra.globo.com. Consultado em 25 de junho de 2016. 
  5. «Bumbum Granada». Kworb. Consultado em 19 de novembro de 2017. 
  6. «CONHEÇA JERRY SMITH, UM DOS FUNKEIROS DE SÃO PAULO QUE CONQUISTOU O BRASIL». O Fuxico. Consultado em 19 de novembro de 2017. 
  7. «Sucesso no Rio de Janeiro, o Arrocha Funk vem ganhando espaço como ritmo bem brasileiro». KondZilla. Consultado em 19 de novembro de 2017. 
  8. «Jerry Smith grava com Munhoz e Mariano». iG. Consultado em 19 de novembro de 2017. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]