Jesus Wants Me for a Sunbeam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Jesus Wants Me for a Sunbeam"
Canção de The Vaselines
do álbum 'Dying for It'
Lançamento 1987
Gênero(s) Rock alternativo
Duração 03:31
Gravadora(s) 53rd & 3rd
Lista de faixas de MTV Unplugged in New York
Come as You Are
(2)
The Man Who Sold the World
(4)
Letra Eugene Kelly, Frances McKee

Jesus Wants Me for a Sunbeam (Jesus me quer para um raio de sol) é uma canção originalmente gravada pela banda escocesa alternativa The Vaselines para seu EP Dying for It. É uma paródia do hino das crianças cristãs: I'll Be a Sunbeam (Eu vou ser um Raio de Sol), que cita, no início da música, a frase "Jesus wants me for a sunbeam".

A canção foi um sucesso apenas nos círculos indie pop e twee até que em 1992, o The Vaselines re-lançou a música com uma ligeira mudança de título ("Jesus Doesn't Want Me for a Sunbeam") na coletânea The Way of the Vaselines: A Complete History.

A banda Nirvana lançou um cover de "Jesus Doesn't Want Me for a Sunbeam" em seu álbum ao vivo acústico MTV Unplugged in New York. Nirvana também lançou mais duas versões desta canção em sua box de 2004 With the Lights Out. Isto incluiu uma versão acústica gravado na Europa em 1994, juntamente com um desempenho elétrico ao vivo na seção do DVD do box-set.

Na versão contida no álbum MTV Unplugged in New York, Kurt Cobain se refere à música como: "a interpretação de uma velha canção cristã, eu acho. Mas seguimos a linha dos Vaselines".[1]

Elvis Costello usa a linha "Maybe Jesus wants you for a sunbeam" na canção "Alibi" de seu álbum de 2002 When I Was Cruel.

Referências

  1. Kurt Cobain, 18 de novembro de 1993. MTV Unplugged in New York, DGC Records, lançado em 1 de novembro de 1994.
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.