João Sertório

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

João Sertório, o barão de Sertório, (? — ?) foi um político brasileiro.

Foi deputado às assembleias provinciais do Rio Grande do Sul e São Paulo. Foi presidente da província do Rio Grande do Sul, de 14 de junho de 1869[1][2] a 29 de agosto de 1870.[3]

Assinou em 24 de maio de 1870 o ato de criação das colônias italianas de Conde d'Eu e Dona Isabel.

Referências


Precedido por
Israel Rodrigues Barcelos
Presidente da província do Rio Grande do Sul
1869 — 1870
Sucedido por
João Capistrano de Miranda e Castro


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.