Joana Seymour

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para a atriz, veja Jane Seymour.
Joana Seymour
Rainha Consorte da Inglaterra
Rainha Consorte da Inglaterra
Reinado 30 de maio de 1536
a 24 de outubro de 1537
Predecessora Ana Bolena
Sucessora Ana de Cleves
 
Marido Henrique VIII de Inglaterra
Descendência Eduardo VI de Inglaterra
Casa Seymour (por nascimento)
Tudor (por casamento)
Nascimento c. 1508
Morte 24 de outubro de 1537 (29 anos)
  Hampton Court, Londres, Inglaterra
Sepultado em Capela de São Jorge, Windsor, Berkshire, Inglaterra
  12 de novembro de 1537
Pai João Seymour
Mãe Margarida Wentworth
Religião Catolicismo
Assinatura Assinatura de Joana Seymour
Brasão

Joana Seymour (c. 150824 de outubro de 1537) foi a terceira esposa do rei Henrique VIII e Rainha Consorte do Reino da Inglaterra de 1536 até sua morte.[1] Era filha de João Seymour e Margarida Wentworth, tendo morrido pouco depois de dar à luz o único filho homem de Henrique, o posterior Eduardo VI.[2]

Vida[editar | editar código-fonte]

Joana era filha de João Seymour e Margarida Wentworth.[3] Trazida para a corte cedo, foi aia das rainhas Catarina de Aragão e Ana Bolena utilizando se disso para subir degraus, assumindo um posto de rainha, sem ligação sanguínea com a Realeza . A sua ascensão causou a morte de Ana Bolena e foi da vontade de Henrique VIII em casar com Joana, o que precipitou a execução de sua segunda esposa. O casamento realizou-se a 30 de maio de 1536, menos de duas semanas depois da morte de Ana Bolena.

Representação de Joana em miniatura do século XVII de autoria de Václav Hollar.

Joana Seymour conseguiu subir ao Trono sem ter ligação sanguínea da Realeza, subiu ao trono apenas pelo casamento de conveniência com Henrique VII. Maria Tudor, filha do primeiro casamento de Henrique VIII, acabou sendo relegada ao esquecimento paterno desde os acontecimentos de 1533. Joana não interferiu diretamente na vida política, mas a sua ascensão à rainha trouxe junto para a corte seus dois irmãos que não tinham linhagem sanguínea real, Eduardo e Tomás Seymour (este último foi casado com Catarina Parr, última esposa de HenrIque VIII) tinham apenas títulos dados pelo rei, assim como sua irmã. Joana Seymour engravidou com objetivo de se assegurar como rainha e conseguiu enfim dar ao rei o sonhado filho homem. Sua primeira filha Maria Tudor (Com Catarina Aragão) e a segunda filha Elisabeth I (com Ana Bolena) sendo mulheres não podiam assumir a coroa para serem sucessoras do pai, por apenas homens poderem assumir o trono na época (século XVI). No final Elisabeth I, filha de Ana Bolena, acabou assumindo o trono da Inglaterra governando por 44 anos.

Joana morreu na sequência do parto do futuro Eduardo VI e Henrique VIII organizou-lhe um funeral declarando luto de 3 dias na corte. Efetivamente, haveria de esperar três anos até ao seu próximo casamento. Resumindo uma trajetória de duas Carnificina Humana! Pelo poder! Nunca pelo Amor. O Amor nunca ira vibrar da dor do outro! No caso nem amor ao Próximo de ambas as partes.

Filhos com Henrique VIII[editar | editar código-fonte]

Na cultura popular[editar | editar código-fonte]

Filmes e séries[editar | editar código-fonte]

Livros[editar | editar código-fonte]

  • É a personagem principal do livro I, Jane:In the Court of Henry VIII, da autora Diana Haeger.

Música[editar | editar código-fonte]

Teatro[editar | editar código-fonte]

  • Joane é personagem do musical SIX, escrito por Toby Marlow e Lucy Moss, sendo interpretada originalmente pela atriz Natalie Paris. Seu solo "Heart of Stone" e estilo são inspirados nas divas POP Adele e Mariah Carey.

Ancestrais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Morre Jane Seymour, terceira mulher de Henrique VIII de Inglaterra». RicardoOrlandini. Consultado em 24 de julho de 2019 
  2. «Jane Seymour - Henry VIII, Death & Facts - Biography». www.biography.com. Consultado em 5 de outubro de 2020 
  3. B. A., Mundelein College; M. Div., Meadville/Lombard Theological School. «Jane Seymour, The Third Doomed Wife of Henry VIII». ThoughtCo (em inglês). Consultado em 5 de outubro de 2020 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Joana Seymour


Joana Seymour
c. 1508 – 24 de outubro de 1537
Precedida por
Ana Bolena
Coat of Arms of Jane Seymour.svg
Rainha Consorte da Inglaterra
30 de maio de 1536 – 24 de outubro de 1537
Sucedida por
Ana de Cleves