Job Adams Cooper

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Job Adams Cooper
6º Governador do Colorado
Mandato 1889 – 1891
Antecessor(a) Alva Adams
Sucessor(a) John Long Routt
Vida
Nascimento 06 de novembro de 1843
Greenville, Illinois
Morte 20 de janeiro de 1899 (55 anos)
Denver, Colorado
Nacionalidade Americano
Dados pessoais
Primeira-dama Jane O. Barnes
Partido Republicano
Profissão Advogado e Político
Serviço militar
Lealdade 137º Infantaria de voluntários de Illinois
Graduação Sargento
Batalhas/guerras Guerra Civil Americana

Job Adams Cooper (6 de novembro de 184320 de janeiro de 1899) foi um político dos Estados Unidos, foi 6º governador do estado do Colorado, de 1889 a 1891, pertenceu ao Partido Republicano.

Início de vida[editar | editar código-fonte]

Job Adams Cooper nasceu em Greenville, Illinois, Um dos sete filhos de Charles e Maria Hadley Cooper. O futuro governador estudou no Knox College em Galesburg, Illinois, mas precisou afastar-se para lutar na Guerra Civil Americana para o exército da União.[1]

Cooper alistou-se como um sargento da 137º Infantaria de voluntários de Illinois e foi designado para Memphis, Tennessee, durante o ataque confederado contra a cidade por soldados comandados pelo General Nathan Bedford Forrest. Após a guerra, ele retornou para concluir seus estudos. Após a formatura de Knox College em 1867, ele retornou à sua cidade natal de Greenville e foi admitido para advocacia em Illinois. Nesse mesmo ano casou com Jane O. Barnes, filha de um ministro proeminente, e tiveram quatro filhos. Deixando sua família em 1872, acompanhou A. C. Phelps em uma jornada para o oeste na esperança de encontrar melhores oportunidades empresariais e assim estabeleceu-se em Denver, Colorado, onde ambos começaram a advocacia criando o escritório Phelps and Cooper. Entre 1872 e 1888, Cooper expandiu seus interesses comerciais para incluir seguros, atividade bancária, mineração e pecuária.

Governador do Colorado[editar | editar código-fonte]

Em 1888, Cooper foi nomeado para disputar o governo e venceu Thomas MacDonald Patterson o editor do Rocky Mountain News. Após sua posse como 6º governador do Colorado em janeiro de 1889, ele assinou legislação que criou treze novos condados, incluindo: Baca, Cheyenne, Kiowa, Kit Carson, Lincoln, Montezuma, Morgan, Otero, Phillips, Prowers, Rio Blanco, Sedgwick e Yuma. Além disso, ele criou uma casa para órfãos no estado em Denver e um reformatório penal do estado no Condado de Chaffee.

Aposentadoria[editar | editar código-fonte]

Cooper recusou-se a buscar a reeleição em 1890 e voltou para a advocacia. Ele mais tarde montou uma empresa de construção e construiu o edifício Cooper Building em Denver, que é considerada uma jóia arquitetônica até hoje. Entre 1893 e 1897, ele serviu como Presidente da câmara de comércio local. Ele morreu aos 55 anos, relativamente jovem e está enterrado no cemitério de Fairmount bloco 24 em Denver.[2]

Vida familiar[editar | editar código-fonte]

Cooper deixou filhos, e uma filha, Mary Louisa Cooper, esposa do geólogo e ferroviário, Lucius Seymour Storrs. Storrs tinha dois filhos, Lucius Seymour Storrs, Jr., e Margaret Storrs Grierson.[3]

Referências

  1. Colorado Governor Job Adams Cooper. National Governors Association. Página visitada em September 25, 2012.
  2. Job Adams Cooper. Find A Grave. Página visitada em September 25, 2012.
  3. Marquis, Albert Nelson. Who's who in New England. Google Books Digitized June 4, 2007 ed. Chicago: A.N. Marquis & Company, 1915. 1032 p. OCLC 22884556

Fonte da tradução[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Cargos políticos


Precedido por
Alva Adams
Governador do Colorado
1889 - 1891
Sucedido por
John Long Routt