Joca (político)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde setembro de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde junho de 2016). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Predefinição:/Político

Jorge Júlio da Costa dos Santos, ou simplesmente Joca, (Vassouras, 1 de março de 1948 - São João de Meriti, 20 de junho 1995) foi um político brasileiro e o primeiro prefeito da cidade brasileira de Belford Roxo após a sua emancipação da cidade de Nova Iguaçu.

Foi eleito com mais de 76 mil votos no município. Na época, ele começava a se despontar como um dos principais políticos da Baixada Fluminense. Em 20 de junho de 1995, quando ia para uma reunião com o então governador Marcello Alencar ele foi assassinado com 11 tiros. Joca estava em seu carro, acompanhado do então prefeito de São João de Meriti, Adilmar Arcênio, o Mica, que nada sofreu.[1]

Precedido por
-
Prefeito de Belford Roxo
19931995
Sucedido por
Ricardo Meirelles Gaspar

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Jornal de Hoje (JH). «Especial de 35 anos, parte 7». Consultado em 19 de setembro de 2015. Arquivado do original em 27 de janeiro de 2007