Joe Lieberman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Joe Lieberman
Joe Lieberman
Senador dos Estados Unidos
por Connecticut
Período 3 de janeiro de 1989 - 3 de janeiro de 2013
Antecessor(a) Lowell P. Weicker, Jr.
Sucessor(a) Chris Murphy
Dados pessoais
Nome completo Joseph Isadore Lieberman
Nascimento 24 de fevereiro de 1942 (75 anos)
Stamford, Connecticut
 Estados Unidos
Alma mater Universidade de Yale
Esposa Betty Haas (1965–1981)
Hadassah Freilich (1982–presente)
Filhos 4
Partido Democrata (1989–2006)
Independent (2006–presente)
Religião Judeu

Joseph Isadore Lieberman (Stamford, Connecticut, 24 de fevereiro de 1942) é um político dos Estados Unidos, que serviu como senador independente pelo estado de Connecticut de 1989 a 2013. Foi candidato à vice-presidência dos Estados Unidos em 2000, na chapa encabeçada por Al Gore.[1] Ao longo da carreira, adotou posturas neoconservadoras em questões de política externa e econômica, embora simpatize com a esquerda em questões sociais (por exemplo, ele apoia o casamento entre pessoas do mesmo sexo e é a favor do direito ao aborto).[2][3]

Judeu ortodoxo moderno,[4] Lieberman é formado em Direito na Universidade Yale. Ele foi um dos que apoiou a prisão de Julian Assange em um abaixo-assinado em 2010.[5]

Referências

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Joe Lieberman
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.