Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jogos Olímpicos da Juventude
Olympic flag.svg
Movimento Olímpico
Comitê Olímpico Internacional
Comitê Olímpico Nacional
Federações Esportivas Internacionais
Quadro de medalhas
Carta Olímpica

Os Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude são um evento multidesportivo realizado de 4 em 4 anos (nos anos das Olimpíadas de Verão seniores),[1] normalmente nos meses de Inverno do hemisfério Norte (Janeiro-Fevereiro). Tal como os Jogos Olímpicos de Inverno consistem em provas de vários desportos de Inverno, ainda que num número menos reduzido de modalidades e com novas abordagens.[2]

Cidades-sede[editar | editar código-fonte]

A primeira cidade-sede dos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude foi Innsbruck, na Áustria.[3] A cidade-sede dos próximos jogos será Lillehammer, na Noruega.[4] Ambas as cidades acolheram anteriormente os Jogos Olímpicos de Inverno. Já em 2020, será Lausanne (a sede do Comité Olímpico Internacional,[5] na Suíça) a receber os Jogos.[6][7]

Edições[editar | editar código-fonte]


Edições dos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude
Ano País Cidade-sede Estádio principal Nº de Desportos Nº de Disciplinas
2012  Áustria Innsbruck Bergiselschanze 7 15
2016  Noruega Lillehammer Lysgårdsbakken 7 15
2020 Suíça Lausanne TBA TBA TBA

Participação[editar | editar código-fonte]

Estão elegíveis a participar os atletas com idades entre 15 e 18 anos no dia 31 de Dezembro do ano dos Jogos, que cumpram as condições de qualificação da federação desportiva do respectivo desporto. Nos Jogos de Inverno participam cerca de 1.100 atletas de 70 a 80 Comités Olímpicos Nacionais (CONs).[8]

Desportos[editar | editar código-fonte]

Na segunda edição (Lillehammer 2016) serão disputados sete desportos num total de 15 disciplinas.[9] São essencialmente os mesmos da versão sénior, mas com algumas novidades, como por exemplo provas mistas em género.[10][11]

Nota 1: Esqui no formato de snowboard;

Quadro de medalhas[editar código-fonte]

Até ao momento, 30 países participantes conquistaram medalhas. Equipas mistas (com elementos de vários países) também já ganharam medalhas. O quadro de medalhas está classificado de acordo com o número de medalhas de ouro, estando as medalhas de prata e bronze como critérios de desempate em caso de países com o mesmo número de ouros. O Comitê Olímpico Internacional não reconhece a existência de um quadro de medalhas, alegando que isso cria uma competição entre os países, o que não é o objetivo dos Jogos.[12]

     Países que já sediaram ou vão sediar os Jogos destacados.
 Ordem  País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze GoldSilverBronze medals.svg
1 AlemanhaGER Alemanha 8 7 2 17
2 ChinaCHN China 7 4 4 15
3 ÁustriaAUT Áustria 6 4 3 13
4 Coreia do SulKOR Coreia do Sul 6 3 2 11
5 RússiaRUS Rússia 5 4 7 16
6 Países BaixosNED Países Baixos 4 1 2 7
Equipes internacionaisIOC Equipes internacionais 3 3 3 9
7 SuíçaSUI Suíça 3   5 8
8 JapãoJPN Japão 2 5 9 16
9 NoruegaNOR Noruega 2 5 2 9
10 Estados UnidosUSA Estados Unidos 2 3 3 8
11 FrançaFRA França 2 2 5 9
12 ItáliaITA Itália 2 2 1 5
13 FinlândiaFIN Finlândia 2 2   4
SuéciaSWE Suécia 2 2   4
15 CanadáCAN Canadá 2 1 6 9
16 EslovêniaSLO Eslovênia 1 4 2 7
17 LetôniaLAT Letônia 1 1 1 3
18 República ChecaCZE República Checa 1 1   2
19 EslováquiaSVK Eslováquia 1     1
MarrocosMAR Marrocos 1     1
21 EstôniaEST Estônia   2   2
HungriaHUN Hungria   2   2
23 CazaquistãoKAZ Cazaquistão   1 2 3
24 BélgicaBEL Bélgica   1   1
BielorrússiaBLR Bielorrússia   1   1
Grã-BretanhaGBR Grã-Bretanha   1   1
UcrâniaUKR Ucrânia   1   1
28 AustráliaAUS Austrália     2 2
29 AndorraAND Andorra     1 1
MônacoMON Mônaco     1 1
TOTAL 63 63 63 189

Ver também[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. «The Youth Olympic Games vision and principles» (PDF) (em inglês). COI. 25 de junho de 2014. 3 páginas. Consultado em 26 de agosto de 2015.. Cópia arquivada (PDF) em 21 de outubro de 2014 
  2. «Youth Olympic Games» (em inglês). Lillehammer 2016. Consultado em 1 de Setembro de 2015.. Cópia arquivada em 1 de Setembro de 2015 
  3. «Innsbruck Elected To Host the Inagural Youth Olympic Winter Games In 2012» (em inglês). Games Bids. 12 de Dezembro de 2008. Consultado em 1 de Setembro de 2015.. Cópia arquivada em 1 de Setembro de 2015 
  4. «Lillehammer named Winter Youth Olympic Games host for 2016» (em inglês). Comité Olímpico Internacional (COI). 7 de Dezembro de 2011. Arquivado do original em 21 de Agosto de 2012 
  5. «Welcome to International Sports Federations» (em inglês). International Sports Federations. Consultado em 1 de Setembro de 2015.. Cópia arquivada em 4 de Novembro de 2014 
  6. «Lausanne, Switzerland Will Host 2020 Winter Youth Olympic Games». Games Bids. 31 de Julho de 2015. Consultado em 1 de Setembro de 2015.. Cópia arquivada em 1 de Setembro de 2015 
  7. «Lausanne é eleita sede dos Jogos Olímpicos da Juventude de Inverno de 2020». Estadão. 31 de julho de 2015. Consultado em 27 de agosto de 2015.. Cópia arquivada em 27 de agosto de 2015 
  8. «The Youth Olympic Games vision and principles» (PDF) (em inglês). COI. 25 de junho de 2014. 2 páginas. Consultado em 26 de agosto de 2015.. Cópia arquivada (PDF) em 21 de outubro de 2014 
  9. «Lillehammer 2016 - Simple Event Schedule» (PDF) (em inglês). Lillehammer 2016. Novembro de 2013. Consultado em 27 de agosto de 2015.. Cópia arquivada (PDF) em 27 de agosto de 2015 
  10. «Exciting new events added to Lillehammer 2016 programme» (em inglês). COI. 15 de Outubro de 2013. Consultado em 1 de Setembro de 2015.. Cópia arquivada em 16 de Outubro de 2013 
  11. «Lillehammer 2016 - Sport» (em inglês). Lillehammer 2016. Consultado em 1 de Setembro de 2015.. Cópia arquivada em 27 de Agosto de 2015 
  12. Harvey Araton (18 de Agosto de 2008). «A Medal Count That Adds Up To Little» (em inglês). The New York Times. Consultado em 1 de Setembro de 2015.. Cópia arquivada em 11 de Abril de 2009